Geral

PF e Força Nacional prendem boliviano que viajava com documento falso

Atuando na Operação Sentinela, Policiais Federais e da Força Nacional de Segurança prenderam na tarde desta terça-feira, 24 de julho, um homem de nacionalidade boliviana na rodoviária interestadual de Corumbá. Ele estava portando um documento de identificação falsificado. O boliviano, que tem 18 anos de idade e viajaria para a cidade de São Paulo, confessou […]

Arquivo Publicado em 25/07/2012, às 12h03

None

Atuando na Operação Sentinela, Policiais Federais e da Força Nacional de Segurança prenderam na tarde desta terça-feira, 24 de julho, um homem de nacionalidade boliviana na rodoviária interestadual de Corumbá. Ele estava portando um documento de identificação falsificado. O boliviano, que tem 18 anos de idade e viajaria para a cidade de São Paulo, confessou que pagou R$ 150 para um homem que lhe vendeu o documento falso na Bolívia.


Segundo a nota policial, “o documento apresentado aos policiais durante a abordagem é emitido pelo Departamento de Polícia Federal como comprovante de pedido de permanência de estrangeiros no Brasil, e serve como documento provisório de identificação para que o indivíduo viaje pelo Brasil, enquanto não for confeccionado o documento definitivo”.


O rapaz e o documento falsificado foram levados para a Delegacia de Polícia Federal, em Corumbá. Se condenado pelo crime, o estrangeiro pode receber pena que varia de 2 a 6 anos de reclusão.

Jornal Midiamax