Geral

Para Vander, nomeação de Teruel para Funasa reflete unidade do PT

Após a publicação, no Diário Oficial da União, da nomeação de Pedro Teruel para superintendente da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) em Mato Grosso do Sul, o deputado federal Vander Loubet (PT-MS) manifestou seus votos de sucesso ao ex-deputado estadual e avaliou que a escolha do petista reflete a unidade interna do partido no estado. […]

Arquivo Publicado em 21/01/2012, às 00h56

None

Após a publicação, no Diário Oficial da União, da nomeação de Pedro Teruel para superintendente da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) em Mato Grosso do Sul, o deputado federal Vander Loubet (PT-MS) manifestou seus votos de sucesso ao ex-deputado estadual e avaliou que a escolha do petista reflete a unidade interna do partido no estado. “Torço para que o Teruel seja muito bem sucedido nesse novo desafio que está assumindo”, afirmou Vander.


Para o deputado, a nomeação do engenheiro, advogado e empresário reflete duas questões importantes. “A primeira é o reconhecimento da competência técnica do Teruel, por sua formação profissional e pessoal. Desde os tempos de vereador, passando por secretário estadual de Infraestrutura e depois como deputado estadual, ele sempre pautou suas decisões e análises em rigorosas fundamentações técnicas. A segunda, no campo político, é que a partir da unidade do PT-MS, consagrada no final do ano passado por todo o partido e por nossas duas principais lideranças – o ex-governador Zeca e o senador Delcídio -, resolvemos dar um basta nas divisões internas, o que nos permitiu colocar à disposição da presidenta Dilma os nossos melhores quadros para ajudá-la a governar o Brasil e Mato Grosso do Sul”, explicou.


Ibama


O deputado Vander acredita ainda que a próxima nomeação deve ser a do ex-deputado estadual Amarildo Cruz, para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).


“Estamos trabalhando por isso em Brasília e esperamos um resultado positivo. Inclusive, em dezembro, quando tive audiência em Brasília com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, conversamos sobre esse e outros assuntos. Na ocasião ela comentou que estava entusiasmada com a unidade partidária construída pelo PT em Mato Grosso do Sul, um estado pelo qual ela tem enorme carinho, afinal, foi sua morada quando atuou conosco no Governo Zeca. Nesse sentido, acredito que nosso trabalho aqui refletiu no Planalto e abriu portas para que possamos ter pessoas altamente qualificadas e alinhadas à presidenta Dilma nos órgãos federais de MS”, concluiu Vander.

Jornal Midiamax