Geral

Oakley quer lançar rival dos óculos inteligentes do Google

A fabricante norte-americana Oakley anunciou que está desenvolvendo óculos inteligentes para rivalizar com o Google Project Glass, informa a rede de notícias Bloomberg. A confirmação foi feita pelo CEO da empresa de moda, Colin Baden, durante uma entrevista. A exemplo do Glass, o novo modelo será capaz de exibir informações para o usuário em suas […]

Arquivo Publicado em 19/04/2012, às 00h07

None

A fabricante norte-americana Oakley anunciou que está desenvolvendo óculos inteligentes para rivalizar com o Google Project Glass, informa a rede de notícias Bloomberg. A confirmação foi feita pelo CEO da empresa de moda, Colin Baden, durante uma entrevista.


A exemplo do Glass, o novo modelo será capaz de exibir informações para o usuário em suas lentes e se conectar a smartphones, tablets e PCs. Antes que sejam feitas acusações de que a Oakley “se inspirou” no protótipo do Google, Baden se defende: “Estamos perseguindo essa inovação desde 1997?, afirma.


De acordo com o CEO, a empresa realiza pesquisas relacionadas a tecnologias heads-up display “há 15 anos”, e atualmente conta com 600 patentes relacionadas ao assunto em seu portfólio. Uma subsidiária da companhia, chamada Eye Safety Systems, já oferece esse tipo de tecnologia para aplicações militares. “Claro que essas tecnologias têm imenso potencial no campo dos esportes”, aponta Baden.


Os óculos inteligentes da Oakley ainda não têm data para chegar ao mercado, mas já se sabe que terão capacidade de realizar algumas tarefas sozinhos e sincronizar com dispositivos móveis por Bluetooth. Além disso, deverá contar com um sistema de reconhecimento de voz nos moldes do Siri, da Apple. O lado ruim é que a empresa afirma desde já que a novidade “não deverá ser barata”, ainda que nenhum levantamento de custos tenha sido realizado.


Enquanto o novo aparelho não chega nas lojas, convém lembrar que a mesma Oakley em 2004 lançou o primeiro modelo “inteligente”, que chegava com um MP3 Player embutido, mas o alto preço fez com que se tornasse um tremendo fracasso de vendas. Aparentemente eles não aprenderam com essa lição.

Jornal Midiamax