Geral

Maradona chama dupla corintiana de orangotango e elogia campeão

Uma equipe muito organizada, que sai em contragolpe, preenche os espaços e que tem dois orangotangos no meio de campo que chegam em todas as bolas e um goleiro que alcança as duas traves”. Foi desta forma que Diego Maradona resumiu, para a Radio Metro 95.1, o time do Corinthians campeão da Libertadores contra o […]

Arquivo Publicado em 18/07/2012, às 17h49

None

Uma equipe muito organizada, que sai em contragolpe, preenche os espaços e que tem dois orangotangos no meio de campo que chegam em todas as bolas e um goleiro que alcança as duas traves”. Foi desta forma que Diego Maradona resumiu, para a Radio Metro 95.1, o time do Corinthians campeão da Libertadores contra o Boca Juniors.


Apesar do comentário “pesado”, o ex-jogador exaltou o vigor e a disposição dos volantes Ralf e Paulinho em campo. A dupla, assim como o goleiro Cássio – outro citado por Maradona -, foi importante na conquista do título inédito do clube alvinegro. Além disso, o ex-jogador comparou o time de Tite à uma equipe italiana.


“O Boca podia perder para o Corinthians, disse para a minha filha antes da partida na Bombonera. O Corinthians é uma equipe atípica às demais equipes brasileiras, se parece mais a um time italiano que brasileiro”, disse o ex-jogador.


Na mesma entrevista, Maradona disparou contra o meia Riquelme, que após a a derrota para o Corinthians disse estar “vazio”, e desde então acena cada vez mais com uma saída do clube xeneize. Para o ex-treinador da Argentina em 2010, Riquelme estaria “traindo 75% da Argentina”.

Jornal Midiamax