Geral

Mapa vai trabalhar junto com estados para proteger rebanho brasileiro de aftosa do Paraguai

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) atuará em conjunto com o governo de quatro estados para proteger o país do surto de febre aftosa que atinge o rebanho paraguaio. O ministro Mendes Ribeiro Filho participou hoje (6), em Mato Grosso do Sul, de uma reunião de trabalho com o governador do estado, André […]

Arquivo Publicado em 07/01/2012, às 01h07

None

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) atuará em conjunto com o governo de quatro estados para proteger o país do surto de febre aftosa que atinge o rebanho paraguaio. O ministro Mendes Ribeiro Filho participou hoje (6), em Mato Grosso do Sul, de uma reunião de trabalho com o governador do estado, André Puccinelli, e os secretários de Agricultura de Mato Grosso do Sul, do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.


A parceria visa a fortalecer a defesa agropecuária brasileira para proteger o país da doença. No encontro, o ministro defendeu a sintonia entre os governos federais e estaduais, além de garantir o repasse de recursos para ações preventivas. “Vamos criar coordenadorias regionais de defesa e investir na qualificação pessoal com cursos e contratações”, disse por meio de nota. O documento também destaca que “os recursos já estão sendo repassados e reafirmou investimentos no sistema de defesa agropecuária e no treinamento de servidores especializados”.


Durante a manhã, o ministro sobrevoou a fronteira na região ente os municípios de Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul, e de Juan Pedro Caballero, no Paraguai. Mendes também acompanhou as atividades de prevenção que foram adotadas para evitar a transmissão do vírus.


No último dia 3, o governo do Paraguai identificou um foco de febre aftosa em uma fazenda do departamento de San Pedro. O anúncio foi feito pelo Serviço Nacional de Qualidade e Saúde Animal (Senacsa) do país vizinho por meio de nota.

Jornal Midiamax