Geral

Grêmio vence Náutico no Olímpico e mantém perseguição aos líderes

O Grêmio continuou na briga pelo título da Série A do Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira, o time tricolor derrotou o Náutico por 2 a 0 e se manteve no páreo. O duelo foi realizado no Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS). O resultado, além de reabilitar a equipe que havia perdido no último domingo para […]

Arquivo Publicado em 14/09/2012, às 01h17

None

O Grêmio continuou na briga pelo título da Série A do Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira, o time tricolor derrotou o Náutico por 2 a 0 e se manteve no páreo. O duelo foi realizado no Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS).

O resultado, além de reabilitar a equipe que havia perdido no último domingo para o Corinthians, elevou o Grêmio aos 47 pontos, quatro a menos que o vice-líder Atlético-MG e seis atrás do ponteiro Fluminense. Já o Náutico seguiu com 28 e perto da zona do rebaixamento.

No próximo domingo, o compromisso do Grêmio, do técnico Vanderlei Luxemburgo, será contra o Flamengo no Rio de Janeiro. Enquanto isso, os pernambucanos receberão o Atlético-MG.

Empurrado pela torcida, que novamente compareceu em peso no Estádio Olímpico, o Grêmio começou a partida com uma postura ofensiva. E as melhores chances do time tricolor saíram da bola parada do meia Elano.

Aos 32min, o ex-santista cobrou falta pelo lado direito para dentro da área. Atento, o volante Souza, de dentro da pequena área, completou com o pé, mas a bola explodiu no travessão e saiu pela linha de fundo.

Para a segunda etapa, o Grêmio veio com duas modificações. Marco Antônio substituiu Fernando, e Leandro entrou no lugar de Marquinhos. Mais à frente, a equipe anfitriã teve uma ocasião de gol logo aos 3min. Leandro girou na entrada da área e arrematou com violência. O chute assustou o goleiro Gideão, mas foi para fora.

O lance acendeu os donos da casa que, aos 15min, abriram, enfim, o placar. Marco Antônio arriscou de longe, a bola quicou e saiu do alcance do arqueiro alvirrubro: 1 a 0 e avalanche nas arquibancadas.

O tento deixou a partida mais fácil ao Grêmio, que, após parar no goleiro Gideão várias vezes, liquidou a fatura aos 47min. Depois de boa trama, o atacante Kleber girou e, de dentro da área, marcou.

Jornal Midiamax