Geral

Felipão sai irritado de empate com Vasco e não dá entrevista coletiva

Luiz Felipe Scolari saiu irritado do vestiário do Palmeiras após o empate por 1 a 1 diante do Vasco. O treinador se dirigiu ao ônibus da delegação e ficou isolado, aguardando o restante dos jogadores para deixar a Arena Barueri. No caminho até o veículo, o treinador se limitou a dizer “não dá mais, vou […]

Arquivo Publicado em 17/06/2012, às 21h37

None

Luiz Felipe Scolari saiu irritado do vestiário do Palmeiras após o empate por 1 a 1 diante do Vasco. O treinador se dirigiu ao ônibus da delegação e ficou isolado, aguardando o restante dos jogadores para deixar a Arena Barueri. No caminho até o veículo, o treinador se limitou a dizer “não dá mais, vou largar”.


O treinador ficou bastante irritado com a arbitragem do gaúcho Leandro Pedro Vuaden, especialmente após um suposto pênalti em cima de Hernán Barcos.


O vice-presidente de futebol do Palmeiras, Roberto Frizzo, falou sobre o assunto e defendeu o treinador pentacampeão do mundo. Ele, no entanto, não quis falar de arbitragem.


“O Felipe tem o direito de não dar a entrevista, ele saiu muito irritado com o desfecho do jogo e quis se isolar no ônibus. Apesar disso, eu acho que fizemos um grande jogo. Esse problema de arbitragem já é uma constância e fica repetitivo falar do assunto”, disse o cartola.


O Palmeiras se reapresenta nesta segunda-feira para começar a preparação para o jogo diante do Grêmio, pela semifinal da Copa do Brasil.


Jornal Midiamax