Geral

Entrega de materiais de construção em assentamento são discutidas no Incra/MS

Aproximadamente 30 moradores do assentamento Estrela na Cidade de Jaraguari, participaram no Incra (Instituto Nacional de Colonização e Regionalização Agrícola) de uma reunião com o órgão, fornecedores de materiais de construção e representante do Ministério Público Federal (MPF). Há três anos, segundo os assentados existe o problema na entrega dos materiais, feita parcialmente....

Arquivo Publicado em 21/11/2012, às 01h10

None
1494116328.jpg

Aproximadamente 30 moradores do assentamento Estrela na Cidade de Jaraguari, participaram no Incra (Instituto Nacional de Colonização e Regionalização Agrícola) de uma reunião com o órgão, fornecedores de materiais de construção e representante do Ministério Público Federal (MPF).

Há três anos, segundo os assentados existe o problema na entrega dos materiais, feita parcialmente. O problema todo foi à liberação de R$ 2.300 milhões para o material de construção de 196 casas. Os fornecedores alegam que não estão recebendo do órgão e por isso não fazem a entrega.

Na reunião o superintendente do Incra, Celso Cestari, afirmou que problemas no contrato impediram o pagamento dos fornecedores.

“Se tem trinta casas lá, foi tudo feito por conta própria”, diz a assentada Irene Rodrigues da Rosa de 59 anos.

Nesta quarta-feira será apresentado um cronograma de entrega dos materiais junto ao MPF e Incra. Caso as empresa de materiais e construções não façam as entregas, e o Incra não realize o pagamento, ambos poderão ser penalizadas judicialmente.

Jornal Midiamax