Geral

Empresa aérea é condenada a pagar R$ 11 mil por mala perdida

A Azul Linhas Aéreas foi condenada a pagar R$ 11 mil a uma passageira que teve a bagagem perdida pela companhia. De acordo com informações do Tribunal de Justiça do Paraná, a consumidora viajava de Curitiba a Salvador, mas suas malas nunca chegaram ao destino. Depois de 30 dias, a empresa confirmou a perda definitiva […]

Arquivo Publicado em 23/12/2012, às 23h00

None

A Azul Linhas Aéreas foi condenada a pagar R$ 11 mil a uma passageira que teve a bagagem perdida pela companhia. De acordo com informações do Tribunal de Justiça do Paraná, a consumidora viajava de Curitiba a Salvador, mas suas malas nunca chegaram ao destino. Depois de 30 dias, a empresa confirmou a perda definitiva da bagagem.



Segundo decisão da 10ª Câmara Cível, a passageira deve receber R$ 10 mil por danos morais e R$ 1.075 por danos materiais. A sentença apenas aumentou o valor da indenização por dano moral, após parecer favorável do Juízo da Comarca de Terra Boa. Ainda cabe recurso da empresa. A assessoria da Azul não foi encontrada para comentar o caso.



Para a relatora do recursdo de apelação, não houve “dúvida quanto à negligência da ré diante da ausência de cuidados com a bagagem da autora por ela transportada”. “Além disso, é certo que restou comprovado o defeito na prestação do serviço despendido pela ré, e neste diapasão a recorrente detém a obrigação de reparar os danos ocorridos em detrimento da sua falha de serviços, conforme preceitua o art. 14 do Código de Defesa do Consumidor.”


Jornal Midiamax