Geral

Em visita ao Midiamax, Fauzi diz que costura ampla aliança para disputar reeleição

Fauzi esteve em Campo Grande e visitou o jornal Midiamax, onde foi recepcionado pelo sócio-diretor Carlos Eduardo Belineti Naegele. Na conversa, ele destacou ações de seu mandato e comentou sobre o contexto político em Aquidauana

Arquivo Publicado em 25/04/2012, às 12h42

None

Fauzi esteve em Campo Grande e visitou o jornal Midiamax, onde foi recepcionado pelo sócio-diretor Carlos Eduardo Belineti Naegele. Na conversa, ele destacou ações de seu mandato e comentou sobre o contexto político em Aquidauana

O prefeito Fauzi Suleiman (PMDB) está confiante em seu projeto de reeleição na cidade de Aquidauana, município distante 143 quilômetros de Campo Grande. Para o chefe do Executivo municipal, investimentos na área social, saúde e educação irão “pavimentar” sua pré-candidatura no município.


Fauzi esteve em Campo Grande nesta terça-feira (24) e visitou o jornal Midiamax, onde foi recepcionado pelo sócio-diretor Carlos Eduardo Belineti Naegele. Durante a conversa, o prefeito destacou ações de seu mandato e comentou sobre o contexto político em Aquidauana.


Alvo de vários processos por improbidade administrativa, Sulleiman afastou prejuízos por causa das ações ao seu projeto de reeleição e destacou o apoio de 15 partidos à renovação de seu mandato por mais quatro anos.


“Não temo isso [prejuízos], até por que os processos foram extinguidos pelo TJ [Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul] e as pesquisas mostram nosso nome em ascensão”, ressaltou Fauzi.


Segundo ele, a expectativa é entrar na corrida pela reeleição com o apoio de 15 partidos, dos quais 12 já teriam praticamente confirmado adesão ao projeto. O prefeito citou como aliados o PSDB, PT, PSB, PPS, PTdoB, PSC, PTN e PTC. “Também avançam as tratativas com o PSL, que não nos apoiou na eleição passada”, acrescentou.


Em 2008, Fauzi disputou a eleição como o apoio de 14 partidos. “A tendência é termos mais partidos aliados do que no último pleito”, disse.


Sobre os adversários, o pré-candidato a reeleição aposta em uma coligação composta pelo PDT, DEM e PR. “Se o PP não for para a disputa, deverá caminhar conosco”, concluiu.


Ações


“Sem dúvidas nossa grande marca foi o compromisso com o social. Também reformamos 80% das escolas e somos um dos primeiros municípios a pagar o piso dos professores e o um terço da hora-atividade. Também somos um dos primeiros a ter 100% coberto todos ESF [Estratégia Saúde da Família] com médicos da família”, destacou Suleiman.


De acordo com o prefeito, “esses investimentos pavimentam meu nome para que eu possa voltar para prefeitura”. Fauzi também comentou a necessidade do município desenvolver novas fontes de renda. “Nossa economia é na pecuária, precisamos de alternativas. O nosso grande desafio será encontrar novos caminhos de desenvolvimento”, analisou.


Segundo Fauzi, a prefeitura buscará fortalecer cursos para qualificação da mão-de-obra. Ele citou como exemplo o Centro de Qualificação na área Têxtil, que visa estimular a diversificação da economia local.


Turismo


Para Fauzi, a localização geográfica de Aquidauana também tem sido favorável para o município. “Somos uma das poucas cidades do Estado que está em um raio de 150 quilômetros da Capital e isso nos ajuda muito na hora de apresentarmos projetos, buscar emendas”, citou.


O prefeito também destacou o potencial turístico da cidade retratado no filme O Pantanal de Aquidauana. Com reconhecimento internacional, o curta-metragem é vencedor de diversos prêmios, entre eles o Melhor Filme Brasileiro na categoria “Turismo de Ecologia e Natureza”, do TourFilm Brazil, e no Festival de Portugal, na mesma categoria. (Assista no vídeo abaixo)


Jornal Midiamax