Geral

Em sete horas, TRE recebe 26 denúncias de compra de voto ‘fiado’

Das 8h deste sábado até as 15h, o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) recebeu 26 denúncias de compra de voto “fiado” em Campo Grande, conforme informações da 35ª zona eleitoral. Também mobilizou equipe do órgão denúncia de promessa de casa própria em troca de voto. Na reta final do segundo turno […]

Arquivo Publicado em 27/10/2012, às 18h44

None
10898858.jpg

Das 8h deste sábado até as 15h, o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) recebeu 26 denúncias de compra de voto “fiado” em Campo Grande, conforme informações da 35ª zona eleitoral. Também mobilizou equipe do órgão denúncia de promessa de casa própria em troca de voto.


Na reta final do segundo turno da eleição, praticamente todas as denúncias que chegam à Justiça Eleitoral dão conta de promessas de dar entre R$ 50 a R$ 200 somente se o candidato vencer a disputa. O dinheiro seria entregue na segunda-feira (29), um dia depois da eleição.


Neste sábado, também mobilizou o TRE e agentes da Polícia Federal denúncia de favorecimento para aquisição de casa própria, por meio de programa habitacional, em troca de voto.


Segundo o oficial de Justiça, Edson Lira, munidos de mandado de busca e apreensão a equipe foi à residência de cabo eleitoral do candidato Edson Giroto (PMDB), no Bairro Moreninhas.


Na casa, foram encontradas pastas de contratos habitacionais da Agência Municipal de Habitação, além de lista com nome de eleitores. Diante das evidências, o cabo eleitoral foi conduzido à Polícia Federal para prestar depoimento.


Agora, o caso será apreciado pelo juiz da 35ª zona eleitoral, Flávio Saad Peron, que remeterá às informações para o Ministério Público Estadual (MPE) decidir o procedimento a ser instaurado. 


De acordo com o artigo 299 do Código Eleitoral, venda e compra de voto pode resultar em prisão por quatro anos. A prática também pode provocar a cassação de candidaturas.


Desde o início da campanha eleitoral no início de julho até hoje, o TRE recebeu 710 denúncias. Mais informações podem ser repassadas por meio do telefone (67) 3326-0001.

Jornal Midiamax

☰ Últimas Notícias