Geral

Em desvantagem, Jamal e Edil tentam entrar no grupo que elegerá presidente da Câmara

O vereador Dr. Jamal (PR) bem que tentou, mas não conseguiu unir os 21 vereadores eleitos pela coligação de Edson Giroto (PMDB). Jamal contava com a união para tentar se viabilizar e chegar à presidência da Câmara, mas viu sua vontade esbarrar na união do grupo de 17 vereadores de vários partidos que já se […]

Arquivo Publicado em 23/11/2012, às 18h12

None
1705445844.jpg

O vereador Dr. Jamal (PR) bem que tentou, mas não conseguiu unir os 21 vereadores eleitos pela coligação de Edson Giroto (PMDB). Jamal contava com a união para tentar se viabilizar e chegar à presidência da Câmara, mas viu sua vontade esbarrar na união do grupo de 17 vereadores de vários partidos que já se comprometeram a eleger o presidente.

O Midiamax apurou que após constatar que o grupo de Giroto não seguirá unido, Jamal está tentando se aliar aos 17 vereadores, entre novatos e reeleitos, que caminham juntos na Câmara. Além de Jamal, Edil Albuquerque (PMDB) também tenta se aliar ao chamado “Grupo dos 17”. Edil já foi presidente da Câmara e tem a experiência como positiva e negativa ao mesmo tempo, visto que os vereadores defendem uma renovação na presidência.

Jamal e Edil aguardam uma reunião dos 17 vereadores, que definirá se os dois entram ou não no grupo. Em entrevista na Câmara nesta quinta-feira (22) o vereador Paulo Pedra (PDT) já havia anunciado que outros vereadores estariam interessados em compor o grupo, mas confidenciou que era preciso bastante critério para que os novos integrantes venham para somar e não para dividir. Vereadores interessados na presidência são os que mais rejeitam a entrada de Edil e Jamal, já que a dupla representa concorrência.

A vereadora Grazielle Machado (PR) prefere não comentar o fato. Ela lembra que o grupo já está formado e com votos suficientes para eleger o presidente. Porém, ressalta que é importante a entrada de novos integrantes para tentar um consenso, que em sua opinião, será importante para a Casa.

O vereador Dr. Jamal informou que ainda não recebeu convite do grupo e acredita que ainda é cedo para falar de presidência. Embora admita que tenha conversado com os vereadores, avalia que a discussão deve começar a partir do dia 15 de dezembro. “Ainda está muito cedo para a definição. Estou esperando o convite deles”, concluiu. O vereador eleito, Edil Albuquerque, foi procurado, mas não atendeu ao telefone.

O grupo dos 17 vereadores é composto por Grazielle Machado (PR), Carla Stephanini (PMDB), Mário Cesar Oliveira da Fonseca (PMDB), Vanderlei Cabeludo (PMDB), Flávio Cesar (PTdoB), Carlos Augusto Borges (PSB), Airton Saraiva (DEM), Otávio Trad (PTdoB), Paulo Pedra (PDT), Eduardo Romero (PTdoB), Elizeu Dionizio (PSL) , Alceu Bueno (PSL), Thais Helena (PT), Rose Modesto (PSDB), João Rocha (PSDB), Luiza Ribeiro (PPS) e Edson Shimabukuro (PTB).

Jornal Midiamax