Geral

Em Campo Grande, imóveis serão leiloados dia 18 com lances a partir de R$ 8 mil

São 19 imóveis distribuídos pela capital sul-mato-grossense. Todos vão a leilão no próximo dia 18 e se tornaram boas opções de investimentos neste final de ano. Os terrenos – com benfeitorias ou não e de diferentes metragens – estão distribuídos pelos bairros Guanandy, Jardim das Cerejeiras, Guanabara (região da Av. Coronel Antonino), Bandeirantes e Jardim […]

Arquivo Publicado em 11/12/2012, às 15h24

None

São 19 imóveis distribuídos pela capital sul-mato-grossense. Todos vão a leilão no próximo dia 18 e se tornaram boas opções de investimentos neste final de ano. Os terrenos – com benfeitorias ou não e de diferentes metragens – estão distribuídos pelos bairros Guanandy, Jardim das Cerejeiras, Guanabara (região da Av. Coronel Antonino), Bandeirantes e Jardim Noroeste. Os Lances iniciais vão de R$ 8 mil a R$ 160 mil.


Todos os imóveis são atualmente de posse do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul e estão sendo colocados à venda pela Secretaria de Administração (SAD/MS). O pregão será realizado na Casa de Leilões, em Campo Grande, MS, na próxima terça-feira (18.12) a partir das 9 horas da manhã sob o comando do leiloeiro oficial Tarcílio Leite.


Dentre os lotes a serem leiloados, um dos destaques é uma área de 700 m2 na Rua Apa (lote 21, quadra 07), localizada em ponto estratégico no Bairro Jardim Guanabara (Coronel Antonino), cujo lance inicial é de R$ 160 mil. Ao lado, outra área – desta vez de 650 m2 – também na Rua Apa (lote 22, quadra 07) tem preço inicial estipulado em R$ 150 mil. Caso sejam arrematados pela mesma pessoa, o imóvel conjunto somará 1.350 m2.


Também existem imóveis para arremate a partir de R$ 25 mil (Jardim das Cerejeiras), de R$ 8 mil (Jardim Noroeste), de R$ 130 mil no Bairro Bandeirantes (com 900 m2) e de R$ 50 mil – uma área de 350 m2 no Bairro Guanandi. Podem participar do pregão pessoas físicas e jurídicas. As exceções estão estabelecidas em edital.


Os imóveis relacionados para este pregão podem ser vistoriados pelos interessados sem a necessidade de acompanhamento de qualquer membro da comissão de licitação. Para ter direito ao arremate, as pessoas físicas devem comparecer à Casa de Leilões munidas da carteira de identidade, CPF e comprovante de residência. Já para as pessoas jurídicas são exigidos o contrato social, CNPJ/MF, carteira de identidade e CPF do representante legal e procuração para o caso de alguém ser delegado pela empresa para o leilão.


Dados do edital, mais informações e fotos dos imóveis podem ser conferidos também pela Internet – http://www.casadeleiloes.com.br/externo/lotes/39 . A Casa de Leilões está localizada na Rua Jaboatão, 271, Bairro Sílvia Regina (800 metros do Aeroporto Internacional de Campo Grande). Mais informações podem ser obtidas também com o leiloeiro e sua equipe pelos fones (67) 3363-7000 e (67) 3363-5599.

Jornal Midiamax