Geral

Eleito, Júlio César diz que OAB/MS não pode sofrer interferência partidária

O advogado Júlio César, eleito para ser o novo presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Mato Grosso do Sul) com 2870 votos, concedeu uma coletiva de imprensa na sede do Órgão na tarde desta quarta-feira (21), em Campo Grande. Ele destacou os trabalhos da gestão atual, com Leonardo Duarte, e falou […]

Arquivo Publicado em 21/11/2012, às 18h51

None
1946761460.jpg

O advogado Júlio César, eleito para ser o novo presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Mato Grosso do Sul) com 2870 votos, concedeu uma coletiva de imprensa na sede do Órgão na tarde desta quarta-feira (21), em Campo Grande.


Ele destacou os trabalhos da gestão atual, com Leonardo Duarte, e falou dos planos para o próximo triênio, lembrando que a entidade não pode sofrer interferência partidária.


Com posse definida para o primeiro dia de janeiro de 2013, o novo presidente acredita que a OAB é a única instituição em que a sociedade brasileira ainda acredita.


“Por isso mesmo que a Ordem não pode ter nenhuma interferência partidária, com autonomia e independência é que iremos administrar”, respondeu, ao ser questionado sobre o que achava do segundo colocado, o advogado Marco Túlio, receber apoio de André Puccinelli e Nelson Trad Filho.


Na entrevista, ele também falou do aprimoramento no ensino do Direito, falta de promotores e defensores no interior de Mato Grosso do Sul, anuidade da OAB/MS e integração dos advogados.

Jornal Midiamax