Geral

Dourados cumpre mais uma etapa para receber voo da Azul

Gerente de infraestrutura da companhia aérea vistoriou aeroporto nesta quarta-feira e elogiou investimentos

Arquivo Publicado em 26/04/2012, às 02h02

None

Gerente de infraestrutura da companhia aérea vistoriou aeroporto nesta quarta-feira e elogiou investimentos

“Quando o poder público tem interesse, as coisas acontecem”. Foi essa a declaração do gerente de infraestrutura da Azul Linhas Aéreas Brasileiras, Wilson Roberto de Souza, durante vistoria nesta quarta-feira ao aeroporto de Dourados.

O executivo destacou os investimentos feitos no local e confirmou que a instalação do voo da Azul ligando Dourados a grandes centros brasileiros está próxima se de ser concretizada. O superintendente da Infraero Evandro Castilho leite também esteve no aeroporto de Dourados nesta quarta e ambos foram recebidos pelo prefeito Murilo. Também estava presente o gerente de planejamento da Azul, Daniel Tkacz.

Wilson de Souza informou que os procedimentos para consolidar a atuação da Azul em Dourados estão em fase final, restando apenas algumas questões técnicas e burocráticas. Segundo ele, a probabilidade da empresa passar a operar em Dourados é superior a 70%, já que as condições do Aeroporto Francisco de Matos Pereira estão caminhando para o ideal, dentro dos padrões da Azul.

O gerente da Azul elogiou a determinação da administração municipal em garantir melhorias para o transporte aéreo, principalmente para atender também a região, já que são pelo menos 30 municípios no entorno de Dourados.

Fabrício Alves Corrêa, da Coordenadoria de Transporte Aéreo do Estado, considera a vinda da Azul para Dourados como uma grande conquista e resultado de uma luta de mais de cinco anos para estruturar o aeroporto. Ele lembrou que todo o processo começou quando o prefeito Murilo era vice-governador e foi intensificado assim que ele assumiu a prefeitura.

Fabrício citou alguns dos avanços fundamentais para a elevação de categoria do aeroporto, entre os quais o sistema de comunicação, sala de embarque, detector por raio-X e o sistema de segurança que inclui brigada de incêndio, isolamento total da área da pista e pessoal com formação especializada para atuar no serviço aeroportuário. “Tudo dentro das normas da Anac [Agência Nacional de Aviação Civil]”.

Bem cuidado


A estrutura do aeroporto de Dourados e o empenho do prefeito para elevar a categoria e dessa forma trazer mais voos foram elogiados pelo superintendente da Infraero, Evandro Castilho leite. Ele declarou ter ficado surpreso: “o aeroporto está muito bem cuidado e isso demonstra a preocupação do prefeito com o transporte aéreo”.

O superintendente informou que faltam apenas pequenos ajustes para o aeroporto local poder receber grandes aeronaves. “A sala de embarque mesmo é excelente, até acima da estrutura que a Azul necessita”, comentou.

Sobre o início do voo em Dourados, o gerente da Azul Linhas Aéreas prefere não falar ainda, mas já está certo que a aeronave a operar na cidade será um jato da Embraer, modelo 195, com capacidade para 118 passageiros. O avião sairá de Dourados no período da manhã com destino a Campinas e retorno à noite.

Jornal Midiamax