Geral

Douglas faz 2 gols, Corinthians supera Fla por 3 a 0 e engata reação no Brasileiro

A ressaca pelo título inédito da Copa Libertadores já é coisa do passado para o Corinthians. Nesta quarta-feira, no Engenhão, o time paulista superou o Flamengo por 3 a 0, chegou à terceira vitória no Campeonato Brasileiro – a segunda consecutiva – e confirmou sua reação na competição nacional após amargar oito rodadas na zona […]

Arquivo Publicado em 19/07/2012, às 01h56

None

A ressaca pelo título inédito da Copa Libertadores já é coisa do passado para o Corinthians. Nesta quarta-feira, no Engenhão, o time paulista superou o Flamengo por 3 a 0, chegou à terceira vitória no Campeonato Brasileiro – a segunda consecutiva – e confirmou sua reação na competição nacional após amargar oito rodadas na zona de rebaixamento. Douglas, duas vezes, e Danilo marcaram os gols do triunfo corintiano.


Jogando em casa e tentando fazer valer o mando de campo para conseguir uma vitória, o Flamengo dominou as primeiras ações da partida. No entanto, a maior posse de bola, mais uma vez, não se transformou em pressão no ataque. Com isso, aos poucos, o Corinthians começou a se impor no gramado do Engenhão e criar as principais chances.


Defesa falha e “Seu boneco” brilha


O camisa 1 rubro-negro, Paulo Victor, fez algumas boas defesas, mas apenas adiou o que já se desenhava na partida. Aos 26min, Douglas, que chegou a ser chamado de “Seu Boneco” pela torcida nas “redes sociais”, superou a desconfiança e brilho. Ele roubou a bola de Bottinelli, partiu em direção ao gol e tocou para o fundo das redes, marcando o primeiro gol do Corinthians.


O tento ratificou o domínio dos paulistas, que passaram a chegar com ainda mais frequência. Aos 39min, mais uma vez com Douglas, a equipe do técnico Tite repetiu a dose e aumentou a vantagem. O meia aproveitou a bola mal rebatida de Renato Abreu, em nova falha da defesa do Flamengo, e chutou firme para marcar mais um gol para o Corinthians.


Na volta para a segunda etapa, o técnico Joel Santana ainda tentou mudar o time para tentar alguma reação. Bottinelli deu lugar ao jovem Adryan, mas o panorama não se alterou. O Corinthians seguiu melhor e não demorou para ampliar a vantagem no placar. Aos 9min, Romarinho ajeitou a bola na medida para Danilo, pela entrada da área no lado esquerdo, e o meia marcou o terceiro gol dos corintianos no jogo.


Com a excelente vantagem, o alvinegro paulista recuou e passou a controlar a partida. Ainda assim, conseguiu criar novas oportunidades, mas desta vez não aproveitadas. Aos 26min, Emerson Sheik foi derrubado na área e sofreu pênalti. Na batida, o goleiro Paulo Victor pulou no canto esquerdo e defendeu o gol que poderia aumentar ainda mais o vexame. Sem novas chances, os times apenas esperaram o apito final para ratificar a vitória do Corinthians.


Jornal Midiamax