Geral

Dólar sobe quase 5% no mês e vai a R$ 2,131

O dólar comercial terminou novembro com alta acumulada de quase 5% (foram exatamente 4,95%), fechando a R$ 2,131 na venda. É o maior valor de fechamento desde 5 de maio de 2009 (R$ 2,149). Só nesta sexta-feira (30), o dólar subiu 1,61%. No ano, o dólar tem alta acumulada de 14%. O ganho da Bovespa […]

Arquivo Publicado em 30/11/2012, às 21h07

None

O dólar comercial terminou novembro com alta acumulada de quase 5% (foram exatamente 4,95%), fechando a R$ 2,131 na venda. É o maior valor de fechamento desde 5 de maio de 2009 (R$ 2,149). Só nesta sexta-feira (30), o dólar subiu 1,61%. No ano, o dólar tem alta acumulada de 14%.



O ganho da Bovespa no mês foi bem mais modesto que o do dólar: a Bolsa acumulou alta de 0,71% em novembro. Nesta sexta, o Ibovespa (principal índice da Bolsa) caiu 0,65%, a 57.474,57 pontos. No ano, acumula alta de 1,27%.



Um dos motivos para a subida acentuada do dólar nesta sessão foi a divulgação do crescimento do PIB do terceiro trimestre abaixo do esperado por analistas. O crescimento foi de 0,6% em relação ao segundo trimestre e de 0,9% em relação ao terceiro trimestre do ano passado.



O baixo crescimento deixou os investidores preocupados, porque sugere que o governo pode lançar mão de um real mais desvalorizado e juros mais baixos para estimular a economia. Os operadores também ficaram em alerta para uma possível atuação do Banco Central, que não aconteceu.


Jornal Midiamax