Geral

Delcídio prevê novo bloco de oposição e diz que Reinaldo é um bom nome para o Senado

O petista, inclusive, cogitou a possibilidade de o PT e o PSDB se aproximarem para pavimentar uma parceria na sucessão estadual

Arquivo Publicado em 09/10/2012, às 01h42

None
671813441.jpg

O petista, inclusive, cogitou a possibilidade de o PT e o PSDB se aproximarem para pavimentar uma parceria na sucessão estadual

O senador Delcídio do Amaral (PT) disse que o deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB) saiu fortalecido da disputa pela Prefeitura de Campo Grande e o classificou como um “bom nome” para concorrer ao Senado nas eleições de 2014.

O petista, inclusive, cogitou a possibilidade de o PT e o PSDB se aproximarem para pavimentar uma parceria na sucessão estadual. Por enquanto, porém, Delcídio prefere focar as energias em ajudar o deputado estadual Alcides Bernal (PP) a derrotar os governistas em Campo Grande.

“Eu acho que agora temos uma eleição pela frente, 2014 é outra coisa, eu não me iludo, a gente vai construir isso (arco de aliança) ao longo do tempo. Agora, nós temos que ganhar a eleição. Depois, em função desse leque de aliança (na Capital), eventualmente podemos construir uma nova base de oposição que vai disputar em 2014”, disse Delcídio.

No primeiro turno da eleição, Reinaldo norteou o discurso de campanha com duras críticas ao PMDB, ex-aliado histórico do PSDB em Campo Grande e acabou se aproximando dos petistas. Nesta segunda-feira (8), no entanto, não confirmou apoio a Bernal. Mas a expectativa do bloco de oposição é que até quarta-feira (10) o tucano confirme a linha contrária aos governistas.

Sobre 2014, Reinaldo adiantou que o PSDB não ficará “a reboque” de ninguém e até cogitou a possibilidade de ser uma terceira via na sucessão estadual. Até agora, Delcídio e o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) são pré-candidatos ao governo.

Jornal Midiamax