Geral

Débitos não autorizados lideram queixas bancárias em dezembro de 2011

Débitos não autorizados lideraram o ranking de reclamações contra os bancos, divulgado pelo Banco Central. Em dezembro do ano passado, de 1.152 reclamações procedentes contra todos os bancos do País, 232 eram sobre essa operação, que representou 20,14% do total. Do total referente a esse tipo de reclamação, 67 foram contra o Santander, 48 contra […]

Arquivo Publicado em 19/01/2012, às 13h25

None

Débitos não autorizados lideraram o ranking de reclamações contra os bancos, divulgado pelo Banco Central. Em dezembro do ano passado, de 1.152 reclamações procedentes contra todos os bancos do País, 232 eram sobre essa operação, que representou 20,14% do total.


Do total referente a esse tipo de reclamação, 67 foram contra o Santander, 48 contra o Banco do Brasil, 48 contra o Itaú, 36 contra o Bradesco e 27 da Caixa Econômica Federal. O HSBC teve 3 reclamações desse tipo.


Em novembro do ano passado, os Débitos não autorizados também lideraram o ranking, com 213 queixas, o que correspondeu a 17,3% do total de 1.234 reclamações procedentes contra todos os bancos daquele mês.


Outras reclamações
Ainda em dezembro do ano passado, a reclamação com o segundo maior número de incidência foi a que se refere as tarifas de cobranças irregulares de serviços não contratados, com 165 ocorrências, ou 14,32% do total.


Neste caso, as instituições que mais tiveram reclamações desse tipo foram o Banco do Brasil, com 102; a Caixa Econômica Federal, com 23; Bradesco, com 17; Itaú, com 11; e Santander, com 10.


Em terceiro, com 93 reclamações, ficaram as queixas sobre a Circular 3289, que trata de esclarecimentos incompletos ou incorretos. Elas representaram 8,07% do total.


Na tabela abaixo é possível verificar as dez principais reclamações de dezembro:
















































ReclamaçãoNúmeroRepresentação
Conta – débitos não autorizados23220,14%
Tarifas – Cobrança irregular – Serviços não contratados 16514,32%
Circular 3289 – Esclarecimentos incompletos / incorretos93

8,07%


Tarifas – Cobrança irregular – Serviços diferenciados – Cartão de crédito diferenciado


90

2,60%
Circular 3289 – Descumprimento de Prazo 87

7,55%


Segurança dos meios alternativos – Operações não reconhecidas

605,21%
Concessão de crédito sem título adequado – Ausência de documentos – Demais operações524,51%
Liquidação antecipada – Restrição à portabilidade403,47%
Segurança dos meios alternativos – Saques e depósitos divergentes363,13%

Concessão de crédito sem título adequado – Ausência de documento – Crédito consignado


33

2,86%

Bancos com mais de um milhão de clientes


De acordo com o levantamento, somente o número de reclamações contra os bancos com mais de um milhão de clientes alcançou 914 casos no mês passado. O número, frente a novembro do ano passado, é 26,9% maior, uma vez que naquele mês foram 720 queixas procedentes contra estas instituições. Na comparação com dezembro de 2010, houve alta de 50,8%.

Jornal Midiamax