Geral

Colegiado recorre ao MPE para garantir permanência de turno no Teotônio Vilela

Membros do Colegiado escolar da Escola Estadual Teotônio Vilela recorreram ao MPE (Ministério Público Estadual) para evitar o fechamento de todas as turmas do 1° ao 6° ano do ensino fundamental no período matutino a partir do ano que vem. Segundo informações do colegiado da escola, a Secretaria Estadual de Educação determinou, arbitrariamente, que os […]

Arquivo Publicado em 23/11/2012, às 17h54

None

Membros do Colegiado escolar da Escola Estadual Teotônio Vilela recorreram ao MPE (Ministério Público Estadual) para evitar o fechamento de todas as turmas do 1° ao 6° ano do ensino fundamental no período matutino a partir do ano que vem.


Segundo informações do colegiado da escola, a Secretaria Estadual de Educação determinou, arbitrariamente, que os alunos passem a estudar à tarde.


“Os pais dos alunos estão inconformados com a proposta de mudança das turmas do ensino fundamental, do período matutino para o vespertino, a partir de 2013. Não podemos aceitar estas mudanças, pois certamente vão prejudicar os alunos dos dois períodos, além de prejudicar as professoras e professores do ensino fundamental que trabalham na escola no período da manhã”. Afirmou a Presidente do Colegiado Escolar, Sandra Regina de Jesus.


Além disso, o colegiado anunciou que vai protocolar na Governadoria um abaixo-assinado a André Puccinelli pedindo a revogação das determinações feitas pela Secretaria Estadual de Educação.

Jornal Midiamax