Geral

Assembleia vai elaborar nova proposta salarial para apresentar ao Governo

Acabou de ser decretado um intervalo de meia hora para que a Comissão de Trabalho elabore uma contraproposta a ser encaminhado ao Governo do Estado. E assim iniciar uma nova negociação. Não é certo ainda, mas rumores na assembleia apontam para pedido de 15% de aumento nos salários. O vice-presidente da ACS (Associação de Cabos […]

Arquivo Publicado em 20/04/2012, às 19h05

None

Acabou de ser decretado um intervalo de meia hora para que a Comissão de Trabalho elabore uma contraproposta a ser encaminhado ao Governo do Estado. E assim iniciar uma nova negociação. Não é certo ainda, mas rumores na assembleia apontam para pedido de 15% de aumento nos salários.


O vice-presidente da ACS (Associação de Cabos e Soldados e Bombeiros Militares de MS), Cláudio Sousa, reclamou de boicote na divulgação do trabalho da polícia por emissoras de televisão.


Ele ainda disse que não acha digno o titular da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), Wantuir Jacini, se esconder dos problemas da tropa e não se pronunciar a favor do movimento.


No local também há vários subtenentes e sargentos. Um subtenente, que não quies ser identificado, disse que 6% de aumento não atende aos anseios da polícia, que pretende continuar unida e mobilizada já que a operação Tolerância Zero está surtindo efeito.

Jornal Midiamax