Geral

Adidas topa pagar multa e deve fechar com o Flamengo por dez anos

Em negociação há mais de seis meses, Flamengo e Adidas finalmente chegaram a um consenso e devem firmar acordo de dez temporadas até o final deste ano. Após a empresa aceitar o pagamento de multa rescisória de R$ 3 milhões à Olympikus, atual fornecedora de material esportivo do clube, a oficialização depende apenas da aprovação […]

Arquivo Publicado em 17/11/2012, às 00h16

None

Em negociação há mais de seis meses, Flamengo e Adidas finalmente chegaram a um consenso e devem firmar acordo de dez temporadas até o final deste ano. Após a empresa aceitar o pagamento de multa rescisória de R$ 3 milhões à Olympikus, atual fornecedora de material esportivo do clube, a oficialização depende apenas da aprovação dos conselhos Fiscal e Deliberativo.

Apesar de já terem recebido o esboço do contrato que irá gerar R$ 380 milhões aos cofres do Flamengo, alguns conselheiros podem dificultar as negociações argumentando que o clube passa por período eleitoral e que uma decisão definitiva só poderia ser tomada após a definição da nova diretoria nas eleições marcadas para o dia 3 de dezembro.

O grande problema é que a Olympikus estipulou como prazo para o pagamento da multa justamente o início de dezembro, o que obrigaria os dirigentes do Flamengo agirem rápido após o processo eleitoral. Caso os R$ 3 milhões não forem depositados, a atual fornecedora tem como direito garantido em contrato a manutenção do atual acordo até o fim, após a temporada 2014.

Fornecedora do Flamengo desde 2009, a Olympikus deve receber ainda mais R$ 10 milhões para somar a quantia que tem direito pela quebra contratual. Para isso, a empresa deixou de pagar os valores mensais acordados desde outubro, condição que deve manter até o meio de 2013. Com isso, mesmo com contrato assinado com a Adidas, o Flamengo seguirá vestindo o atual uniforme durante o período.

Jornal Midiamax