Geral

Acostumado com Interlagos, Barrichello se perde para chegar ao Anhembi e é cornetado

Rubens Barrichello é a grande atração da terceira edição da São Paulo Indy 300

Arquivo Publicado em 26/04/2012, às 22h33

None

Rubens Barrichello é a grande atração da terceira edição da São Paulo Indy 300

Grande atração da terceira edição da São Paulo Indy 300, que acontece neste domingo no circuito de rua montado no complexo do Anhembi, Rubens Barrichello encarou nesta quinta-feira uma rotina diferente daquela que se acostumou a fazer na cidade durante seus 19 anos de Fórmula 1. Acostumado com os caminhos que levam até Interlagos, o piloto da KV Racing se perdeu para chegar à pista da marginal do Tietê e acabou virando brincadeira na coletiva com os demais brasileiros da categoria.


“Acabei nessa situação de me perder em São Paulo. Quando eu ia para Interlagos era tudo muito fácil. Qualquer transito eu me virava. Mas espero sentir o mesmo impacto da torcida, a vibração e aquela pressão de querer fazer sempre bem feito”, afirmou Barrichello, apresentado como o “último colocado” da coletiva.


O veterano piloto chegou à coletiva dos brasileiros agendada para o início da tarde no Anhembi com cerca de 30 minutos de atraso. Assim que pisou no palco, Barrichello virou alvo do companheiro de equipe Tony Kanaan, assim como de Helio Castroneves e Bia Figueiredo. “Eu me atrasei porque estava no cabeleireiro. E você, Rubinho?”, brincou Bia Figueiredo no microfone.


Instantes depois, quando Kanaan esqueceu o nome de uma das avenidas que compõem o circuito (Olavo Fontoura), Barrichello brincou com o desconhecimento do amigo, nascido na Bahia. Tony retrucou: “Olha quem falou? O cara que se perdeu e chegou atrasado”.


“Vai ser um prazer rasgar essa marginal a 300 km/h, depois de todo esse trânsito que eu peguei hoje”, respondeu Barrichello, ainda em meio às brincadeiras sobre o atraso.


Durante a coletiva, Barrichello ainda mencionou a dureza no aprendizado na nova categoria, com todas as mudanças técnicas em relação aos padrões da Fórmula 1. Mesmo assim, fez questão de ressaltar o entusiasmo com a nova fase na carreira. “Faço 40 anos em maio, nunca me senti tão competitivo”, afirmou o veterano da KV Racing.


Barrichello afirmou que por enquanto conhece o circuito do Anhembi apenas através do simulador de computador, mas que pretende caminhar pela pista antes de sábado de manhã, quando oficialmente poderá trabalhar com o carro.


Após três provas disputadas na temporada, Rubens Barrichello ocupa a 9ª colocação na classificação geral, com 59 pontos, cinco à frente de seu companheiro de equipe Tony Kanaan. O líder da Indy até este momento é o australiano Will Power, com 127 pontos.



Jornal Midiamax