Geral

65% dos eleitores de Campo Grande afirmam ter convicção do voto

Um quarto dos eleitores disseram que vai anular o voto

Arquivo Publicado em 18/09/2012, às 13h14

None

Um quarto dos eleitores disseram que vai anular o voto

Dos 480 campo-grandenses entrevistados pelo DATAmax, entre os dias 13 e 15 de setembro, 64,6% afirmaram ter convicção sobre qual candidato a prefeito da Capital vão votar no dia 7 de outubro.


Aqueles que ainda não estão convictos com a decisão do voto e, podem mudá-lo, alcançam 23,1%. Eleitores indecisos ou que não souberam responder pontuou 12,3%.


A margem de erro da pesquisa DATAmax é de 4,5% para mais ou para menos. O grau de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) no dia 12 de setembro, com o número MS 00177/2012.


Convicção de votos para os candidatos


Eleitorado que afirmou estar convicto a votar no candidato Alcides Bernal (PP) é de 77,8%. O candidato Edson Giroto (PMDB), vem em seguida, com 77,6% de eleitores decididos a votar nele.


Vander Loubet (PT) alcançou 76,5% da convicção de votos por parte dos entrevistados. Já o candidato Reinaldo Azambuja (PSDB) obteve 64% da decisão definitiva de voto do eleitorado.


Marcelo Bluma (PV) foi o candidato que recebeu 100% da certeza de votos dos eleitores. Professor Sidney Melo (PSOL) e Suél Ferranti (PSTU) não chegaram a pontuar e um quarto do total de entrevistados, 25%, afirmaram que vão anular o voto.

Jornal Midiamax