Geral

Revoltado com rodovia MS-276, motorista diz que irá processar o Estado

Acidentes de trânsito, pneus estourados e carros danificados, cenas comuns de serem encontradas ao trafegar no trecho rodovia MS-276, que liga os municípios de Batayporã e Anaurilândia. No mês passado, por exemplo, uma mulher ficou ferida após perder o controle da direção, enquanto tentava desviar dos buracos existentes na pista. Na última quarta-feira (26), um caminhoneiro tamb...

Arquivo Publicado em 28/01/2011, às 13h25

None

Acidentes de trânsito, pneus estourados e carros danificados, cenas comuns de serem encontradas ao trafegar no trecho rodovia MS-276, que liga os municípios de Batayporã e Anaurilândia.


No mês passado, por exemplo, uma mulher ficou ferida após perder o controle da direção, enquanto tentava desviar dos buracos existentes na pista.


Na última quarta-feira (26), um caminhoneiro também se envolveu em acidente pelo mesmo motivo. 


Já nesta quinta-feira, Giovane Aparecido da Silva, de 39 anos, teve sua viagem interrompida também por causa de buracos. O motorista seguia sentido Bataguassu, quando próximo de Anaurilândia, sem conseguir desviar, caiu em uma cratera, que arrebentou uma das rodas traseiras do veículo.


Diante do prejuízo, Silva disse que iria abrir um processo contra o Estado de Mato Grosso do Sul. “Isso aqui é o fim do mundo. Como pode um Estado tão rico como esse ter uma rodovia nessa situação tão precária? Vou processar esse Estado. Sei que no fim não dá em nada, mas vou fazer cumprir minha parte como cidadão”, disse revoltado.


Atualmente, encontram-se na Justiça vários processos de motoristas que se sentiram lesados, devido os prejuízos causados pelos buracos da rodovia estadual.


A equipe de uma empresa terceirizada fazia reparos em um trecho da MS-276. No entanto, várias pessoas que estavam em uma lanchonete próximas ao local, disseram, também revoltados, que “isso ai é jogar dinheiro no mato. Quase todos os dias eles estão ai jogando esse pinche nos buracos, mas é só vir a chuva, que tudo vai embora”, se manifestaram.


A rodovia MS-276 é uma das principais vias de acesso de outros estados brasileiros para o Mato Grosso do Sul. No ano passado, durante a última visita do governador André Puccinelli em Anaurilândia, ele afirmou que iria reformar a estrada, mas por enquanto nenhuma obra de recapeamento foi iniciada.

Jornal Midiamax