Geral

PSDB pede que procuradoria investigue novas denúncias no Ministério do Trabalho

O líder do PSDB na Câmara dos Deputados, Duarte Nogueira, protocolou hoje (29) na Procuradoria-Geral da República (PGR) um pedido para o órgão averiguar se há novas irregularidades no Ministério do Trabalho. O documento é um aditivo à representação apresentada pelo partido no dia 8 de novembro para cobrar apuração de suposto esquema de pagamento […]

Arquivo Publicado em 29/11/2011, às 23h46

None

O líder do PSDB na Câmara dos Deputados, Duarte Nogueira, protocolou hoje (29) na Procuradoria-Geral da República (PGR) um pedido para o órgão averiguar se há novas irregularidades no Ministério do Trabalho. O documento é um aditivo à representação apresentada pelo partido no dia 8 de novembro para cobrar apuração de suposto esquema de pagamento de propina por organizações não governamentais (ONGs).


De acordo com o líder do PSDB, as denúncias veiculadas pela revista Veja desta semana, que tratam de pagamento de propina para a obtenção de registro sindical, pedem novas providências do Ministério Público. Para Nogueira, as irregularidades conhecidas até agora “dão conta da possível prática dos crimes de concussão e formação de quadrilha” no ministério e precisam ser investigadas.


A representação cita o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, o coordenador-geral de Qualificação, Anderson Alexandre dos Santos e o ex-chefe de gabinete do ministro, Marcelo Panella.

Jornal Midiamax