Geral

Presídio feminino de Corumbá promove mutirão de saúde

Foi realizada na manhã desta quinta-feira (10) a 1ª etapa de coleta de exames para diagnóstico de doenças sexualmente transmissíveis e AIDS em reeducandas do Estabelecimento Penal Feminino “Carlos Aberto Jonas Giordano” (EPFCAJG), em Corumbá. O mutirão de saúde foi promovido pela equipe responsável pelo setor de saúde da unidade, com o apoio da direção […]

Arquivo Publicado em 11/02/2011, às 01h27

None

Foi realizada na manhã desta quinta-feira (10) a 1ª etapa de coleta de exames para diagnóstico de doenças sexualmente transmissíveis e AIDS em reeducandas do Estabelecimento Penal Feminino “Carlos Aberto Jonas Giordano” (EPFCAJG), em Corumbá. O mutirão de saúde foi promovido pela equipe responsável pelo setor de saúde da unidade, com o apoio da direção do presídio e servidores penitenciários.


Conforme a diretora do estabelecimento, Laila Ramos Hassan, a ação tem como objetivo zelar pela saúde das internas, e dar os encaminhamentos necessários em caso de constatação de alguma doença. A diretora esclarece que a medida é apenas um reforço ao atendimento médico que já é promovido no estabelecimento penal.


O trabalho de coleta foi realizado por profissionais da Secretaria de Saúde Municipal, que atuam no Posto João de Britto. Duas psicólogas estão orientando às internas sobre a importância desses exames.


De acordo com a técnica em enfermagem, Fátima Correia, uma das responsáveis pelo setor de saúde do presídio, neste primeiro dia já foram coletados 35 exames. Segundo ela, apenas as internas que aceitam fazer os exames estão passando pela coleta. A segunda etapa do mutirão está programada para a semana que vem.

Jornal Midiamax