Geral

PMA autua fazendeiro em R$ 7,8 mil por extração irregular de madeira

Policiais Militares Ambientais de Porto Murtinho, em fiscalização fluvial ontem no rio Paraguai, perceberam árvores cortadas em uma fazenda denominada Chuvisquinho. Em vistoria na propriedade, os policiais perceberam o corte de 26 árvores nativas sem autorização ambiental.   O proprietário da fazenda, Fermiano Yarzon, foi autuado e multado em R$ 7.800,00 e a madeira foi apreendi...

Arquivo Publicado em 29/01/2011, às 01h34

None

Policiais Militares Ambientais de Porto Murtinho, em fiscalização fluvial ontem no rio Paraguai, perceberam árvores cortadas em uma fazenda denominada Chuvisquinho. Em vistoria na propriedade, os policiais perceberam o corte de 26 árvores nativas sem autorização ambiental.  


O proprietário da fazenda, Fermiano Yarzon, foi autuado e multado em R$ 7.800,00 e a madeira foi apreendida. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de 06 meses a 01 ano de detenção. As atividades de corte de madeira foram paralisadas.

Jornal Midiamax