Geral

Países vizinhos ao Japão emitem alerta de terremoto e tsunami

Os tremores de até 8,9 graus de magnitude na escala Richter, registrados hoje (11) no Japão, foram sentidos também no Norte da China. Ainda não há registro de vítimas na China. As autoridades do Havaí e das Filipinas ordenaram também a retirada da população das zonas costeiras situadas perto do nível do mar devido ao […]

Arquivo Publicado em 11/03/2011, às 10h18

None

Os tremores de até 8,9 graus de magnitude na escala Richter, registrados hoje (11) no Japão, foram sentidos também no Norte da China. Ainda não há registro de vítimas na China. As autoridades do Havaí e das Filipinas ordenaram também a retirada da população das zonas costeiras situadas perto do nível do mar devido ao alerta de tsunami, emitido depois do terremoto ocorrido no Japão.

Na China, os tremores foram sentidos especialmente por quem estava em edifícios em Pequim, a capital chinesa, e Tianjin. Ontem (9) houve tremores de 5,8 graus na escala de Richter na região chinesa de Yunnan, no Sudoeste do país, causando 25 mortes e cerca de 250 feridos.

A Agência Meteorológica do Japão emitiu alerta de tsunami para ondas de até 10 metros em toda a costa do Pacífico. As ondas podem atingir também as Filipinas, o Havaí, a costa pacífica da Rússia, a Indonésia, Taiwan e até mesmo países da América do Sul, como o Chile.

Em Sendai, capital da província de Miyagi, os sismógrafos registraram tremores de até 7 graus na escala japonesa. A energia elétrica e o gás foram cortados na cidade. Outras duas réplicas, de magnitude inferiores a 6, atingiram o arquipélago e fizeram com que os prédios na capital balançassem continuamente.

Jornal Midiamax