Geral

Padilha libera mais de R$ 6 milhões para hospitais universitários de MS até maio

Mato Grosso do Sul tem dois hospitais-escola na lista de unidades de saúde beneficiadas com verbas do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (REHUF). Os Hospitais Universitários de Campo Grande e de Dourados receberão, juntos, mais de R$ 6 milhões que serão liberados em três parcelas entre março e maio de 2011, segundo […]

Arquivo Publicado em 26/02/2011, às 10h43

None

Mato Grosso do Sul tem dois hospitais-escola na lista de unidades de saúde beneficiadas com verbas do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (REHUF). Os Hospitais Universitários de Campo Grande e de Dourados receberão, juntos, mais de R$ 6 milhões que serão liberados em três parcelas entre março e maio de 2011, segundo o ministro da Saúde, Alexandre Padilha.


Ele liberou no total duzentos milhões de reais para 25 hospitais das universidades federais que são integrados ao Sistema Único de Saúde (SUS). Em Campo Grande, Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian, da UFMS, receberá R$ 5.031.988,41. Já o Hospital Universitário de Dourados, ligado à UFGD, ficará com R$ 1.044.893,77.


De acordo com a portaria assinada no último dia 24 pelo ministro Padilha, o dinheiro deve ser utilizado na reestruturação e revitalização dos hospitais. Os recursos orçamentários saem do orçamento do Ministério da Saúde, e fazem parte do Programa de Trabalho de Atenção à Saúde nos Serviços Ambulatoriais e Hospitalares Prestados pelos Hospitais Universitários.

Jornal Midiamax