Geral

Oposição aproveita cochilo e Câmara convida denunciante de ministro para depor

A oposição conseguiu aprovar nesta quarta-feira (19), convite na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara para que o policial militar João Dias Ferreira esclareça denúncias de corrupção em ações do Ministério do Esporte, conforme veiculada pela revista Veja de sábado (15). A data ainda está definida. Na matéria, João Dias denunciou esquema de […]

Arquivo Publicado em 19/10/2011, às 20h14

None

A oposição conseguiu aprovar nesta quarta-feira (19), convite na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara para que o policial militar João Dias Ferreira esclareça denúncias de corrupção em ações do Ministério do Esporte, conforme veiculada pela revista Veja de sábado (15). A data ainda está definida.


Na matéria, João Dias denunciou esquema de corrupção no Programa Segundo Tempo, que repassa recursos para a prática de esportes entre crianças de baixa renda, que envolve o ministro no recebimento de dinheiro desviado do programa, em troca da liberação de recursos para uma organização não governamental.


O requerimento do líder do DEM, Antônio Carlos Magalhães Neto, é extensivo ao motorista Célio Soares Pereira, que segundo João Dias, foi quem entregou uma caixa de papelão com maços de R$ 50 e R$ 100 ao ministro Orlando Silva, na garagem do ministério.


A oposição aproveitou o início da reunião e a ausência de parlamentares da base para aprovar o convite. “O governo cochilou e nós conseguimos aprovar”, disse ACM Neto.


Jornal Midiamax