Geral

No penúltimo ensaio para o Mundial, Santos ‘acha’ empate com o Dragão

Foi a última partida do Santos no Pacaembu antes da disputa do Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, no Japão. E por pouco não se tornou um fiasco. O Peixe perdia para o Atlético-GO até os 50 minutos do segundo tempo, quando o maestro Ganso tirou um coelho da cartola, ao acertar com estilo […]

Arquivo Publicado em 18/11/2011, às 01h34

None

Foi a última partida do Santos no Pacaembu antes da disputa do Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, no Japão. E por pouco não se tornou um fiasco. O Peixe perdia para o Atlético-GO até os 50 minutos do segundo tempo, quando o maestro Ganso tirou um coelho da cartola, ao acertar com estilo um chute improvável, em meio a três defensores. O empate em 1 a 1 pouco acrescenta ao Peixe, que já não tinha aspirações no Brasileiro, e não livra o Atlético-GO do risco de rebaixamento.


O jogo não foi um espetáculo, mas o gol de Ganso nos acréscimos acabou sendo um alento para os 18.044 pagantes (renda de R$ 359.795,00) que foram ao Pacaembu e viram o Atlético-GO se segurar na defesa por mais de 90 minutos, principalmente depois de ter aberto o placar em gol de Leonardo, de cabeça, ainda no primeiro tempo.


Apesar do empate, Neymar, advertido com o terceiro cartão amarelo e suspenso da próxima rodada, não deixou de ser o centro das atenções. Em especial dos adversários. Todos resolveram caçar o garoto.


Foi uma falta atrás da outras, mas apenas Agenor chegou a ser punido com a expulsão. Fora isso, o garoto exagerou no individualismo e desperdiçou boas chances de empate.


No próximo domingo, pela 36ª rodada do Brasileirão, o Santos encara o Coritiba, às 19h, no estádio Couto Pereira, na capital paranaense. Já o Atlético-GO, que joga às 17h, recebe o Flamengo, em Goiânia. O Peixe ainda tem pela frente Bahia (casa) e o São Paulo (fora). O Dragão tem Grêmio (fora) e América-MG (casa). O Dragão é o 12º com 43 pontos. O Peixe permanece em nono, com 52.

Jornal Midiamax