Fernanda Flavia Dantas Ferreira, 19 anos, foi esfaqueada por volta das 13h de sexta-feira (25), em Chapadão do Sul, por seu companheiro, Marciell Roseno de Morais Santos, 23 anos.

A tentativa de homicídio ocorreu no centro de Chapadão do Sul, na rua Nove, e aconteceu na presença do filho do casal, um menor de 03 anos de idade.

Um Casal, que mora em frente, ao perceber os gritos, saiu correndo para frente do portão e presenciaram o fato, quando o autor saiu correndo pela rua em direção a rodoviária.

O Casal acionou a policia e os bombeiros, enquanto os bombeiros atendiam à mulher, a Policia Militar conseguiu efetuar a prisão de Marciell na rodoviária, quando se preparava para entrar em um taxi.

Marciell disse à reportagem do Camapuã News que ele e morava com Fernanda há 6 anos, vindos do Rio Grande do Norte, estão em Chapadão do Sul há 2 anos.

Falando dos motivos que levou ele a cometer o crime, ele disse que ele estava sendo traído há muito tempo pela sua companheira com outro homem de Campo Grande. Segundo ele, em agosto de 2010, Fernanda colocou fogo em seu próprio corpo e teve 35% do corpo queimado, ela ficou internada 45 dias no hospital. Conta ele, que depois deste tempo, ela começou a se comportar diferente e humilhar ele.

Marciell contou que por ocasião do tratamento para as queimaduras, Fernanda foi para Campo Grande, para retorno ao medico e ficou vários dias em um hotel com outro homem. Afirma ainda que pegou ela ao telefone dizendo palavras de amor a este homem e que desde deste dia ela saiu de casa com o filho e foi morar com um tio.

Sobre o crime deste tarde, ele disse que apesar de ter uma ordem restritiva e não poder permanecer a menos de 100 metros de Fernanda, atendeu à um pedido dela que telefonou para ele pedindo dinheiro para alugar uma casa e comprar roupas. Eles se encontraram na sorveteria local e após seu filho tomar um sorvete, saíram conversando pela rua, quando, segundo ele, humilhado por ela, momento em que perdeu a cabeça e cometeu o crime.