Geral

Marisa diz que Celina Jallad ajudou a fazer a história da mulher sul-mato-grossense

Para a senadora Marisa Serrano, o falecimento inesperado da ex-deputada e Conselheira do Tribunal de Contas do Estado, Celina Jallad, deixa uma lacuna na história da participação da mulher na vida institucional do Estado. “Celina era ativa, determinada e participativa; ela era uma mulher que fazia a diferença, um exemplo de liderança que será sempre […]

Arquivo Publicado em 28/02/2011, às 17h49

None

Para a senadora Marisa Serrano, o falecimento inesperado da ex-deputada e Conselheira do Tribunal de Contas do Estado, Celina Jallad, deixa uma lacuna na história da participação da mulher na vida institucional do Estado.


“Celina era ativa, determinada e participativa; ela era uma mulher que fazia a diferença, um exemplo de liderança que será sempre lembrada na história de Mato Grosso do Sul”, afirmou a senadora nesta segunda-feira (28/02), após receber comunicação da morte da companheira de lutas.


Segundo Marisa, o que causa tristeza é o fato de Celina ter iniciado novos passos na sua carreira profissional ao ter recentemente assumido o cargo de conselheira no TC como a primeira mulher a conquistar o posto. “Acredito que ela ia pouco a pouco se destacar naquela corte, visto que era uma pessoa inteligente e que sabia atuar com sabedoria em todos os cargos que ocupou”, comentou.


“Lamento profundamente esta perda, principalmente porque sei que Celina era uma referência na história da mulher sul-mato-grossense, deixando um legado importante para a nossa luta, ficando para sempre em nossa memória”, finalizou a senadora.

Jornal Midiamax

☰ Últimas Notícias