Geral

Homem armado com espingarda fez família refém durante a manhã

Um homem armado com uma espingarda calibre 32 de dois canos, fez uma família refém ao invadir uma residência para roubar, na manhã deste domingo (27) em Sete Quedas, na fronteira com o Paraguai. O assaltante, que segundo a Polícia Civil local já foi identificado e está sendo procurado pelas polícias brasileira e paraguaia dos […]

Arquivo Publicado em 28/02/2011, às 00h44

None

Um homem armado com uma espingarda calibre 32 de dois canos, fez uma família refém ao invadir uma residência para roubar, na manhã deste domingo (27) em Sete Quedas, na fronteira com o Paraguai.


O assaltante, que segundo a Polícia Civil local já foi identificado e está sendo procurado pelas polícias brasileira e paraguaia dos dois lados da fronteira, teria chegado à casa das vítimas por volta das 7 horas da manhã e surpreendido primeiro a dona da residência.


Após render a mulher, o marginal também acabou rendendo o dono do imóvel, um profissional da área de saúde bastante conhecido na cidade. Ele inclusive teria sido agredido pelo marginal com uma coronhada. Outro membro da família também acabou rendido pelo assaltante.


Todos foram amarrados sob constantes ameaças e colocados em um dos quartos da residência, enquanto o assaltante revirava o imóvel atrás de pertences como jóia e dinheiro.


Segundo o profissional de saúde, após algum tempo, ele conseguiu se soltar, desamarrar os demais membros da família e trancar a porta do quarto por dentro, inclusive encostando um guarda-roupa, para se isolarem do ladrão.


“Ele também queria levar o carro, mas como conseguimos nos isolar no quarto ele não teve acesso à chave do veículo”, disse a vítima.


Segundo a vítima, após deixar todos os membros da família isolados dentro de casa, sem comunicação externa, o assaltante deixou o imóvel levando dinheiro, jóias e os celulares dos moradores.


Suspeito havia deixado a cadeia na quinta-feira


O suspeito de ter praticado o assalto na residência havia deixado a cadeia no Paraguai na última quinta-feira (24) após ser preso naquele país pelo crime de roubo de carro. Pedro Torcatti Junior, que é morador de Sete Quedas, foi reconhecido pelas vítimas através de fotos.


De acordo com a Polícia Civil de Sete Quedas, que investiga o caso, Torcatti também é o principal suspeito do assassinato de um motociclista há dois anos.


Pedro havia sido preso dias atrás no Paraguai logo após ter roubado um veículo de um médico na região de Sete Quedas. O carro foi recuperado no país vizinho e Torcatti acabou preso pela polícia paraguaia.

Jornal Midiamax