Geral

Geraldo Resende é o 1º suplente da Mesa da Câmara

O deputado federal Geraldo Resende (PMDB-MS) é o primeiro suplente da Mesa Diretora da Câmara Federal. Ele obteve a maior votação entre os candidatos às quatro suplências, com 432 votos. Outros suplentes são: Manato (PDT-ES), que obteve 420 votos; Carlos Eduardo Cadoca (PSC-PE), com 418 votos; e Sérgio Moraes (PTB-RS), escolhido por 395 deputados. Segundo o […]

Arquivo Publicado em 02/02/2011, às 16h10

None

O deputado federal Geraldo Resende (PMDB-MS) é o primeiro suplente da Mesa Diretora da Câmara Federal. Ele obteve a maior votação entre os candidatos às quatro suplências, com 432 votos. Outros suplentes são: Manato (PDT-ES), que obteve 420 votos; Carlos Eduardo Cadoca (PSC-PE), com 418 votos; e Sérgio Moraes (PTB-RS), escolhido por 395 deputados.

Segundo o deputado, o cargo de suplente é importante porque dá força política e poder de articulação à bancada de MS. Ele elogiou a participação dos deputados federais de Mato Grosso do Sul que atuaram como ‘cabos eleitorais’ e fizeram o corpo-a-corpo no plenário durante a eleição da Mesa.


“Agora é trabalhar e trabalhar, corresponder às expectativas e interpretar dom fidelidade o sentimento e o desejo da população, que tem depositado no nosso trabalho a esperança de progresso, desenvolvimento e melhores condições de vida”, disse.

A Mesa Diretora é a responsável pela direção dos trabalhos legislativos e dos serviços administrativos da Câmara. Ela é composta pelo presidente da Casa, por dois vice-presidentes e por quatro secretários, além dos suplentes de secretários.

Além do presidente Marco Maia (PT-RS), fazem parte da nova Mesa Diretora, como titulares, a deputada Rose de Freitas (PMDB-ES), na 1ª vice-presidência;

Eduardo da Fonte (PP-PE), 2º vice-presidente; Eduardo Gomes (PSDB-TO), 1º secretário; Jorge Tadeu Mudalen (DEM-SP), 2º secretário; Inocêncio Oliveira (PR-PE), 3º secretário; e Júlio Delgado (PSB-MG), na 4ª secretaria.

Jornal Midiamax