Geral

Flamengo derrota Ceará e se iguala aos líderes

O Flamengo entrou de vez na briga pelo título do Brasileirão neste sábado, 15, ao derrotar o Ceará por 1 a 0, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, na abertura da 30ª rodada. Com gol de Deivid no primeiro tempo, o time carioca não sentiu a expulsão de Ronaldinho na segunda etapa e chegou aos […]

Arquivo Publicado em 15/10/2011, às 22h33

None

O Flamengo entrou de vez na briga pelo título do Brasileirão neste sábado, 15, ao derrotar o Ceará por 1 a 0, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, na abertura da 30ª rodada. Com gol de Deivid no primeiro tempo, o time carioca não sentiu a expulsão de Ronaldinho na segunda etapa e chegou aos mesmos 51 pontos dos líderes Corinthians e Vasco.

A equipe do técnico Vanderlei Luxemburgo assumiu a provisória terceira colocação da tabela. Os líderes, contudo, poderão abrir três pontos de vantagem se vencerem seus jogos no domingo. O Corinthians vai visitar o Cruzeiro, em Sete Lagoas, enquanto o time de São Januário receberá o ameaçado Atlético Mineiro, diante de sua torcida.

Já o Ceará amargou a 14ª derrota e estacionou na 15ª colocação, com 32 pontos, cada vez mais perto da temida zona de rebaixamento. Sem vencer há quatro jogos, o time cearense soma apenas dois pontos a mais que o Atlético-MG, primeira equipe dentro da zona de queda.

O JOGO – Ceará e Flamengo fizeram um agitado e ofensivo primeiro tempo neste sábado. Osvaldo, pelo time da casa, conseguiu bons dribles no ataque, mas falhava nas finalizações. O Flamengo, por sua vez, arriscava com Deivid, Thiago Neves, Bottinelli e Alex Silva, pois Ronaldinho esteve bem marcado por João Marcos.

Aos 10, Thiago Neves carimbou o travessão de Fernando Henrique. Aos 28, Ronaldinho tentou gol olímpico, de escanteio, mas mandou para fora. Mas, aos 40, não teve jeito. Thiago Neves avançou pela direita e cruzou para cabeçada certeira de Deivid: 1 a 0.

O segundo tempo começou de forma tumultuada. Depois de um cartão amarelo para Alex Silva logo no primeiro minuto, o árbitro expulsou Heleno e Ronaldinho Gaúcho, por trocarem insultos no gramado, aos 5 minutos.

Mesmo com maior espaço em campo, as duas equipes não conseguiram criar maiores oportunidades de gol. Pelo Ceará, Roger quase empatou, aos 11. Osvaldo chegou a assustar o goleiro Felipe por duas vezes, mas não balançou as redes. Aos 48, acabou expulso por simular pênalti.

O Flamengo também produziu pouco, graças principalmente as ausências de Bottinelli e Thiago Neves, que deixaram o gramado com dores no segundo tempo. Sem seus armadores, o time carioca administrou o resultado até assegurar a vitória com o apito final do árbitro.

Na próxima rodada, o Flamengo receberá o Santos, no Engenhão, no domingo, dia 23. O Ceará vai visitar o ameaçado Atlético Paranaense, na Arena da Baixada, no mesmo dia.

Jornal Midiamax