Geral

Empresário que envenenou angicos foi multado em R$ 75 mil e terá que “ressuscitar” árvores

O empresário e agricultor R.F., que na manhã desta quinta-feira mandou seu funcionário envenenar duas árvores da espécie Angico com quase trinta metros de altura terá que pagar uma multa de R$ 75 mil e ainda terá que responder processo por crime ambiental. A informação foi do fiscal ambiental da Prefeitura de Dourados, Vilmar Leite, […]

Arquivo Publicado em 11/02/2011, às 13h23

None

O empresário e agricultor R.F., que na manhã desta quinta-feira mandou seu funcionário envenenar duas árvores da espécie Angico com quase trinta metros de altura terá que pagar uma multa de R$ 75 mil e ainda terá que responder processo por crime ambiental.


A informação foi do fiscal ambiental da Prefeitura de Dourados, Vilmar Leite, que flagrou o funcionário do empresário perfurando as duas árvores com uma broca e injetando veneno que provocaria a morte dos dois Angicos que tem mais de cinqüenta anos de idade.


Os fiscais ambientais Edes Sulino e Marcos Antonio de Brito, que também participaram da operação, afirmaram que o empresário terá que “ressuscitar” as duas árvores. Segundo eles foi registrado um boletim de ocorrência na Polícia Civil enquanto que todo o processo foi encaminhado para o Ministério Público Estadual que encaminha uma ação para ser julgada pela Justiça.


As duas árvores fazem parte de um pequeno bosque com quase quarenta árvores nativas da região localizado num terreno na esquina da Rua Quintino Bocaiúva com a Rua Gustavo Adolfo Pavel, no Jardim Girassol em Dourados.

Jornal Midiamax