Geral

Em diário, Bin Laden planejava novas maneiras de atacar os EUA

No seu esconderijo, enquanto via sua organização terrorista ficar cada vez mais enfraquecida e fragmentada, Osama bin Laden pressionava seus seguidores a encontrar novas maneiras de atacar os Estados Unidos, dizem autoridades americanas, citando trechos do diário particular do saudita e outros documentos encontrados na operação que resultou em sua morte. “Ataquem pequenas cidade...

Arquivo Publicado em 11/05/2011, às 22h17

None

No seu esconderijo, enquanto via sua organização terrorista ficar cada vez mais enfraquecida e fragmentada, Osama bin Laden pressionava seus seguidores a encontrar novas maneiras de atacar os Estados Unidos, dizem autoridades americanas, citando trechos do diário particular do saudita e outros documentos encontrados na operação que resultou em sua morte.


“Ataquem pequenas cidades”, sugeriu Bin Laden. “Acertem trem assim como aviões. Acima de tudo, matem tantos americanos quanto possível em um único ataque”, dizem as anotações, segundo autoridades.


Segundo os militares americanos, enquanto estava fora do foco público e a al-Qaeda parecia estar enfraquecendo, Bin Laden nunca perdeu o controle da sua organização internacional.


Seu diário pessoal e a grande quantidade de arquivos de computador revelam que sua mão estava em cada ameaça recente da rede terrorista, incluindo os planos de ataque na Europa no ano passado que deixaram turistas e embaixadas em alerta.


Duas autoridades militares descreveram à agência Associated Press sob condição de anonimato porque eles não são autorizados a falar publicamente sobre o material encontrado no esconderijo de Bin Laden. Analistas continuam a investigar os documentos.

Jornal Midiamax