Geral

Dupla é flagrada pescando em local proibido e com tarrafa

Fiscalização fluvial da Polícia Militar Ambiental (PMA) na região do distrito de Albuquerque, distante cerca de 70 quilômetros da área urbana de Corumbá, flagrou duas pessoas praticando pesque e solte em local proibido, na tarde deste sábado, 12 de fevereiro. A dupla, moradora em Campo Grande, portava licença de pesca, mas estava pescando na baía […]

Arquivo Publicado em 13/02/2011, às 12h04

None

Fiscalização fluvial da Polícia Militar Ambiental (PMA) na região do distrito de Albuquerque, distante cerca de 70 quilômetros da área urbana de Corumbá, flagrou duas pessoas praticando pesque e solte em local proibido, na tarde deste sábado, 12 de fevereiro.

A dupla, moradora em Campo Grande, portava licença de pesca, mas estava pescando na baía de Albuquerque utilizando tarrafa, apetrecho proibido para a categoria amadora. O “pesque-solte” está permitido somente na calha do rio Paraguai.

Cada um deles foi multado em R$ 700. A PMA ainda apreendeu uma lancha com motor de popa 40 HP; três carretilhas com varas e uma tarrafa para captura de iscas. A dupla responderá por crime ambiental e se forem condenados judicialmente poderão ficar pegar até três anos de prisão. O período de proibição da pesca vai até 28 de fevereiro.

Jornal Midiamax