Geral

Concessionária libera tráfego de veículos sentido Curitiba da BR-277

A empresa que administra a BR-277 informou que foi liberado por volta das 21h deste domingo (13) o tráfego de veículos no Km 13 no sentido Curitiba, no Paraná, onde o trânsito estava interditado devido às fortes chuvas que atingiram o estado. Segundo a Ecovia, a concessionária que atua no trajeto, os veículos estão sendo […]

Arquivo Publicado em 13/03/2011, às 23h53

None

A empresa que administra a BR-277 informou que foi liberado por volta das 21h deste domingo (13) o tráfego de veículos no Km 13 no sentido Curitiba, no Paraná, onde o trânsito estava interditado devido às fortes chuvas que atingiram o estado.


Segundo a Ecovia, a concessionária que atua no trajeto, os veículos estão sendo acompanhados por um comboio da Polícia Rodoviária Federal e da empresa e ainda há restrições no trecho. A praça de pedágio no sentido a Paranaguá permanece fechada.


No início da noite, a concessionária já havia liberado o tráfego no Km 26 também em direção a Curitiba para veículos leves. Mais tarde, também foi permitido a passagem de caminhões vazios e pesados.


Apenas um veículo passará individualmente pela ponte do Km 26, diz a Ecovia, porque a estrutura da ponte está comprometida.


Pela BR 277, ainda não havia previsão de liberação da pista no sentido Curitiba-Paranaguá.


Desde sexta-feira (11), a BR-277 está bloqueada em virtude da queda de duas pontes e barreiras provocadas pelas chuvas. As intensas chuvas que atingem, principalmente o litoral paranaense, desde a quinta-feira (10) causam deslizamento de terras, alagamentos e enxurradas em sete cidades (Antonina, Morretes, Guaratuba, Paranguá, Mangueirinha, Honório Serpa e São José dos Pinhais).


De acordo com informações da empresa concessionária, a cabeceira da ponte que estava comprometida, em virtudes das chuvas que atingem a região, havia sido reformada. Mas com a liberação do tráfego no local, nesta tarde, os engenheiros da empresa detectaram novos riscos na estrutura.


De acordo com um boletim divulgado pela Defesa Civil do Paraná, 8.453 pessoas estão desalojadas no estado. Pelo menos duas mortes foram confirmadas e duas pessoas estão desaparecidas.

Jornal Midiamax