Geral

Como cuidar dos cabelos no verão

Uma das preocupações do verão são os cabelos judiados pelo calor, água do mar e piscina. Para curtir a estação do sol sem grilos, separamos dicas para os todos tipos de fios e problemas. Aproveite

Arquivo Publicado em 04/12/2011, às 12h07

None

Uma das preocupações do verão são os cabelos judiados pelo calor, água do mar e piscina. Para curtir a estação do sol sem grilos, separamos dicas para os todos tipos de fios e problemas. Aproveite

Só de lembrar como seus fios estavam acabados no fim da última temporada de sol você tem vontade de se trancar em casa e passar as férias na sombra, longe da praia e da piscina? Calma! Basta aprender com os erros do passado para garantir madeixas saudáveis e bonitas por toda a estação. Conversamos com especialistas cariocas, super-habituados a atender quem vive na praia. Acompanhe as dicas e curta seu verão em paz.


Estilo juba de leão
Quem já tem os cabelos volumosos precisa redobrar a atenção. A exposição frequente ao sol, bem como o contato com o sal da água do mar e com o cloro da piscina, retira a hidratação natural dos fios, que no caso dos cabelos crespos, já é, normalmente, deficitária.


No salão
“Alterne hidratações a cada 15 dias com cauterização uma vez por mês. A cauterização hidrata profundamente, repondo queratina e, assim, selando as escamas, o que elimina o arrepiado e controla o volume. Para o cabelo já danificado, a cauterização a frio, que dispensa o uso de fonte de calor, é a melhor opção”, afirma Guerreiro, cabeleireiro do Salão da Praia (RJ). Preço médio: R$ 150. Outra opção é a exoplastia capilar, que reduz o volume, sem utilizar formol. Preço: entre R$ 450 e R$ 650.


Em casa
“Caso o uso do secador ou da prancha sejam indispensáveis, dê preferência aos equipamentos que contêm íons, que danificam menos os fios”, recomenda Ademir Jr., médico tricologista e diretor da International Association of Tricologist no Brasil (SP). “O uso de produtos hidratantes e de finalizadores com lipídeos ajuda a devolver a camada natural de hidratação que os fios perdem com essas agressões”, complementa Márcio Mello, do Salão Éclat (RJ).


Anote
– Ao secar os cabelos, direcione o bico do aparelho no sentido do comprimento dos fios, evitando embaralhar as madeixas.
– “Na hora de dormir, penteie os cabelos, estique-os bem e enrole-os em forma de coque. Depois, faça de uma meia-calça velha uma touca para manter os cabelos no lugar. Assim, de manhã, ele estará sem volume e liso”, ensina Marcelo Carneiro, do Salão da Praia (RJ).


Efeito opaco e sem vida
A água salgada do mar potencializa o ressecamento provocado pelo sol, pois remove a camada hidrolipídica da fibra capilar. Resultado: desidratação e falta de brilho. Dietas deficitárias em nutrientes podem deixar os cabelos fracos e opacos.


No salão
Sempre que se realizar qualquer química é bom aproveitar que as cutículas estão abertas e hidratar os cabelos, devolvendo os nutrientes perdidos. “O Cellophane, de Sebastian, é um tratamento que restaura os fios completamente. À base de proteínas e pigmentos naturais, devolve brilho e recupera qualquer tipo de dano”, recomenda Márcio Mello. Preço médio: R$ 150. Outra opção é o Tratamento Revitalizante Molecular. “Abundante em proteínas, atua em todas as camadas do fio, suavizando sua textura, conferindo vitalidade e flexibilidade”, diz Alex Lima, do Salão da Praia (RJ).


Em casa
Adote bloqueadores solares, que formam uma película protetora ao redor dos fios, e intercale a aplicação de máscaras de hidratação e de restauração. Antes da modelagem, passe um protetor térmico, preferencialmente trifásico, que ativa o brilho. E, para finalizar, espalhe um leave-in. Não se esqueça de manter uma alimentação saudável.


Dicas
– “É importante fazer um bom corte, retirando as pontas ressecadas para dar uma repaginada no visual”, orienta Marcelo Carneiro.
– Máscara caseira: bata no liquidiicador 1 pote de iogurte, 1 col. (sopa) de condicionador, 2 col. (sopa) de leite, ½ mamão papaia e 1 ampola de vitamina A (vendida em farmácias). Aplique no cabelo, deixe agir por 20 minutos e enxágue.


Visual armado e com frizz
Cutículas dilatadas estão mais sujeitas a absorver a umidade do ar, levantando os fios. “O clima tropical unido ao ressecamento e à falta de tratamento adequado são as causas dos fios armarem”, diz Alexandre Villa Verde, da Ophicina do Cabelo (RJ).


No salão
“O uso de finalizadores é muito indicado, antes ou depois da escova, pois eles evitam a ‘entrada’ de umidade nos fios. Um ótimo tratamento é a Blindagem UVA, uma cauterização ultrasselante, que controla o volume, devolve a nutrição e o brilho dos fios”, conta Guerreiro. Preço médio: R$ 180. Fazer hidratações semanais também é uma boa medida preventiva, como o tratamento Elixir Ultime, da Kérastase, no qual os fios recebem uma ampola de nutrição com uma infusão de óleo quente e uma máscara termoaquecida. Para finalizar, é aplicado um sérum de ação seladora e os cabelos são escovados. Cada aplicação sai por R$ 120.


Em casa
“Escolha uma linha adequada de xampu e condicionador para redução de volume e frizz e evite lavar os fios todos os dias”, recomenda Alexandre Villa Verde.


Pratique
– Mantenha o corte em dia, do contrário, os cabelos ficam mais sujeitos ao frizz. Isso porque as pontas duplas abrem até a raiz, o fio perde peso e arrepia.
– “Nunca use pentes de plástico, que aumentam a eletricidade estética dos fios, causando frizz. “Prefira os de madeira com dentes largos”, ensina Marcelo Bellini, dermatologista e diretor da Clínica Corpo em Evidência (SP).
– Aposte em leave-in hidratantes com queratina, manteiga de karité e ilipé, capazes de combater a umidade.


Look murchinho
“Deixar passar muito tempo entre um corte e outro faz que os fios afinem no comprimento e as pontas fiquem sem vida e sem movimento”, explica Alexandre Villa Verde. Processos químicos mal realizados podem aumentar a oleosidade, o que também deixa os cabelos sem volume.


No salão
No caso de oleosidade excessiva, é indicada uma esfoliação no couro cabeludo para a retirada dos resíduos de produtos e de poluição. Recomenda-se, mensalmente, um tratamento expansor de volume à base de bálsamo enriquecido. Ele consiste na aplicação de um pré-xampu nos fios secos, depois eles são molhados para ativar o produto e obter espuma. Em seguida, é aplicada uma ampola de volume e uma máscara para cabelo ino e enfraquecido. Para finalizar, aplicase um sérum para fios sem volume e os cabelos, então, podem ser escovados e modelados. Preço médio: R$ 150.


Em casa
“Uma vez por semana, lave as madeixas com xampu antirresíduo (deixe agir por cinco minutos). Depois, aplique um tônico capilar. Aguarde 20 minutos e enxágue”, orienta Guerreiro. “Faça uso de leave-in com filtro solar. Aposte em um produto de textura leve, para não deixar o cabelo pesado”, completa Marcelo Carneiro.


Faça
– Utilize uma linha específica para cabelos finos e sem volume.
– Corte os fios a cada seis semanas para remover as pontas finas e dar mais vida e movimento, evitando o desgaste natural das fibras capilares.
– Enxágue os cabelos com água fria. Isso evita a produção de oleosidade em excesso e deixa os fios mais soltinhos.


Cabelos manchados
A exposição solar degrada as ligações de enxofre que formam a cutícula da fibra capilar (parte externa). Com essa alteração, os pigmentos de cor se desprendem com facilidade, provocando desbotamento do tom.


No salão
Uma boa alternativa é o Soleil Éclat Top, ideal para fios sensibilizados pelo sol ou químicas, que reconstrói e nutre a fibra. Primeiro, os cabelos são lavados com um xampu sem sal que retira os resíduos e equilibra o pH. Depois, aplica-se uma máscara de tratamento com aminoácidos e vitaminas para repor os nutrientes dos fios danificados. Para potencializar o efeito, os cabelos recebem vapor por dez minutos. Depois, os cabelos são enxaguados e nova máscara de brilho é aplicada. Preço médio: R$ 180.


Em casa
Não aplique uma nova coloração para “apagar” as manchas. Dessa forma, o problema pode se intensificar e os fios, que já estão desgastados, ficam ainda mais ressecados. “O uso de tonalidades diferentes também mancha os cabelos, bem como lavá-los com xampus alcalinos, que desbotam rapidamente”, conta Carlos Godoy, do Visage Coiffeur (RJ). Utilize linhas especíicas para proteção da cor e procure um profissional para corrigir o problema.


Cuidados
– “Evite usar secador e chapinha, pois o calor que esses aparelhos emitem resseca ainda mais os fios e realça a aparência desbotada”, conta Marcelo Bellini.
– Invista em linhas completas de tratamento específicas para fios tintos. Tais produtos contêm ativos capazes de ressaltar e fixar a cor das madeixas, deixando-as com viço e brilho por muito mais tempo.


Pontas duplas e ressecadas
“O uso de química, secador e chapinha em excesso, descoloração e exposição intensa ao sol promovem desidratação e desgaste da fibra capilar”, explica Marcelo Bellini.


No salão
“Respeitar o ciclo da coloração, sem estendê-la para as pontas dos fios, e usar um defrizante antes da escovação são atitudes importantes que devem ser adotadas pelo profissional. Um ótimo tratamento recomendado nestes casos é o Fiberceutic, da L’Oréal Professionnel, que funciona como um ‘botox’. Ao repor massa capilar, encorpa o io e rejuvenesce as pontas”, afirma Guerreiro. A aplicação custa R$ 180.


Em casa
“Evite o uso constante da chapinha, realize hidratação periódica, utilize bons xampus e condicionadores e uma excelente máscara de tratamento quinzenalmente”, avisa Nattan Jr., do Studio de Beleza Sonia Nesi (RJ).


Atenção
– Corte as pontas a cada três meses, no máximo.
– “Mantenha o secador a uma distância de, pelo menos, 15 centímetros da cabeça e espalhe um protetor térmico antes de iniciar a secagem”, indica Marcelo Bellini.
– Proteja as pontas com um leave-in hidratante, de preferência com filtro solar.
– Aposte em produtos que possuam um mix de silicones, lanolina, ceramidas, bio-restore e NMF (ativo hidratante).


Truques para recuperar a textura dos fios


Características
O cabelo cacheado tem mais tendência a ficar ressecado, pois a oleosidade natural produzida pelo couro cabeludo não consegue deslizar pelo fio e chegar às pontas. Assim, o fio desnutrido perde força, dificultando a modelagem dos cachos.


Cuidados no salão
Hidratar o cabelo periodicamente e contar com um cabeleireiro comprometido com a saúde dos fios é fundamental. No Studio de Beleza Sonia Nesi (RJ) há um tratamento chamado Maquiagem de Cabelo, que age como um selante, alinhando as cutículas, acabando com o efeito frizz e com as pontas duplas. À base de queratina, polímeros selantes e emolientes, a técnica pode durar até dois meses. O processo é simples: lavagem, secagem, aplicação do produto, esterilização dos fios e aplicação de babyliss. Para recuperar a qualidade e a textura, é necessário repor os nutrientes perdidos e fechar as cutículas. A maquiagem garante que o cabelo fique mais hidratado e com os fios no lugar. “Ela recupera e dá vida”, garante Sonia Nesi.


Cuidados em casa
É importante repor não só a água, mas todos os nutrientes que o fio perdeu. Hidratação com produtos específicos para tratamento e modelagem dos cachos é fundamental.


Rapidinhas!
– Para dar forma aos cachos, lave o cabelo utilizando apenas água morna e massageie o couro cabeludo durante a lavagem, para estimular a produção de oleosidade.


– No cabelo ainda molhado, aplique, em pequenas quantidades, creme para pentear nas mãos e espalhe pelos fios. Ao longo do dia, se sentir necessidade, reaplique o produto, sempre em doses pequenas.


– Evite pentear o cabelo seco. Procure fazer isso enquanto estiver úmido, desembaraçando-o cuidadosamente, começando pelas pontas.


– Utilize finalizadores diários em abundância, tais como silicone, gloss, leave-in, reparadores de pontas, spray intensificador de brilho, pomadas e mousses.

Jornal Midiamax