Geral

Barça segura vantagem, empata com o Real e está na decisão

O Barcelona jogou como Barcelona, se impôs diante do Real Madrid e conquistou a vaga na final da Liga dos Campeões. Na tarde desta terça-feira, no Camp Nou, o time catalão cansou de perder oportunidades, principalmente com Lionel Messi, e empatou por 1 a 1 com os merengues. Por conta do triunfo por 2 a […]

Arquivo Publicado em 03/05/2011, às 20h12

None

O Barcelona jogou como Barcelona, se impôs diante do Real Madrid e conquistou a vaga na final da Liga dos Campeões. Na tarde desta terça-feira, no Camp Nou, o time catalão cansou de perder oportunidades, principalmente com Lionel Messi, e empatou por 1 a 1 com os merengues. Por conta do triunfo por 2 a 0 no jogo de ida, no Santiago Bernabéu, a equipe comandada por Pep Guardiola carimbou o passaporte para Wembley, na Inglaterra, mesmo local da conquista do primeiro título da equipe na Champions League, em 1992.


Assim como no jogo de ida, os jogadores do Real Madrid reclamaram do gol mal anulado pelo árbitro belga Frank de Bleeckere logo no início da etapa final. O gol colocaria os merengues na frente dos rivais e, provavelmente, mudaria a história do jogo. O juiz, inclusive, foi citado pelo técnico José Mourinho por um suposto erro na Champions do ano passado quando ele expulsou Thiago Mota, do Inter de Milão, clube comandado pelo gajo na época.


Com a classificação, o Barcelona está à espera do vencedor do duelo entre Manchester United e Schalke 04. As duas equipes decidem a vaga na decisão da Liga dos Campeões nesta quarta-feira, 15h45m (de Brasília), no Old Trafford, na Inglaterra. No primeiro jogo, os Diabos Vermelhos venceram por 2 a 0.


Enquanto Guardiola mostrou a mesma ousadia de sempre no Barça, com toques e posse de bola, José Mourinho não pôde comandar a equipe na beira do gramado por ter sido expulso no jogo de ida. O português preferiu nem se arriscar no Camp Nou e acompanhou a partida do hotel onde a delegação merengue está hospedada na Catalunha.

Jornal Midiamax