Geral

Assaltantes armam “tocaia” e tentam roubar motos de assentados

Dois homens, moradores no Assentamento Taquaral, foram vítimas de tentativa de assalto na manhã desta terça-feira (01), na estrada que dá acesso a Corumbá. “Depois de uns 15 minutos pela estrada, vi que uma motocicleta saiu do matagal, com um condutor e um carona, depois outro homem saiu a pé. Eles estavam armados com uma […]

Arquivo Publicado em 01/02/2011, às 17h09

None

Dois homens, moradores no Assentamento Taquaral, foram vítimas de tentativa de assalto na manhã desta terça-feira (01), na estrada que dá acesso a Corumbá.

“Depois de uns 15 minutos pela estrada, vi que uma motocicleta saiu do matagal, com um condutor e um carona, depois outro homem saiu a pé. Eles estavam armados com uma espingarda e com um pedaço de pau. Mandaram que eu parasse a moto, tiraram minha camiseta, amarraram meu rosto com ela, me levaram para o meio do matagal e com pedaços de fio, amarraram meus braços e pernas. Depois disso, só ouvi gritos, pois um outro assentado vinha depois de mim e também foi rendido. Enquanto eles lutavam com o outro motociclista, consegui me desamarrar, peguei uma carona na estrada e fui até a Polícia Comunitária no bairro Guanã”, contou a vítima de 37 anos.

O segundo assentado disse que viu o momento em que seu companheiro foi levado para o mato e pensou que os bandidos haviam matado a vítima. Logo, como apenas um do assaltantes o rendeu, ele entrou em luta corporal com o bandido. “O tempo todo ele encostava a espingarda no meu pescoço, dizia que iria me matar, eu implorava, pois tenho filhos gêmeos pequenos. Foi horrível, até que ele se descuidou e dei um chute nas costas dele, caí em um barranco e fugi. Machuquei as costas e o braço, mas graças a Deus estou vivo”, relatou o parceleiro de 40 anos.

Acionada, a Polícia Comunitária foi até o local com uma das vítimas e encontrou três motocicletas. As motos dos assentados, uma Titan verde, ano 2003; outra também CG Titan, modelo 96, além da motocicleta dos suspeitos, uma CG 150 esportiva, vermelha. Os bandidos ainda estavam no matagal e ao avistarem a viatura chegando, correram, abandonando os veículos, a espingarda, fios, um boné e dois capacetes. A PM fez buscas, mas não localizou os assaltantes.

Os veículos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para que as investigações prossigam. Foi confirmado, através do sistema de informação do Detran, que a motocicleta dos suspeitos está em nome de uma mulher.

“Nos últimos dias, a Polícia Militar de Corumbá recuperou cinco motocicletas. Essas recuperações se devem à ronda ostensiva realizada nos bairros, assim como a essencial participação da comunidade, que não deve ter medo de denunciar os criminosos. Após este acontecimento, a Polícia irá intensificar o patrulhamento no trecho que dá acesso ao Assentamento Taquaral. Frisamos que também é importante que a população se previna e evite andar sozinha nas madrugadas e em locais de pouco movimento”, orientou o major Waldir Acosta, comandante da Polícia Militar de Corumbá.

Jornal Midiamax