Geral

As vésperas do Enem, Fetems ressalta a importância do Exame

Neste final de semana, dias 22 e 23, cerca de 5,4 milhões de candidatos, de todo o país, serão avaliados pelo Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Em Mato Grosso do Sul, conforme informações do MEC (Ministério da Educação), são 122.040 inscritos. Segundo o presidente da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso […]

Arquivo Publicado em 21/10/2011, às 18h59

None

Neste final de semana, dias 22 e 23, cerca de 5,4 milhões de candidatos, de todo o país, serão avaliados pelo Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Em Mato Grosso do Sul, conforme informações do MEC (Ministério da Educação), são 122.040 inscritos.


Segundo o presidente da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), Roberto Magno Botareli Cesar, acabar com o vestibular e adotar o Enem, é uma iniciativa de extrema importância das instituições de ensino superior do país, pois é o caminho para a democratização do acesso a educação superior “O Enem é um processo em andamento de democratização do saber no Brasil, que conta com o acesso do negro e do pobre ao ensino superior. Uma iniciativa que deve ser sempre valorizada e incentivada por nós, trabalhadores em educação”, disse.


Para a secretária de especialidades de educação e coordenadores pedagógicos, Sueli Veiga Melo, o exame oferece oportunidade a todos que querem ingressar na universidade. “Posso afirmar, como educadora, que esse é um caminho importante pela busca de melhoria do Ensino Médio, assim como a livre e universal possibilidade de acesso ao curso superior, especialmente para milhares de jovens, filhos de trabalhadores, que de outra forma não teriam a oportunidade de estudar nas boas universidades, pois não teriam condições para disputar seus concorridos vestibulares”, afirma.


A diretoria da Fetems considera que o Enem desenvolve habilidades e conteúdos mais relevantes, racionalizando a disputa pelas vagas, sendo necessárias mudanças nos conteúdos ensinados e nas políticas educacionais das Escolas Públicas brasileiras.

Jornal Midiamax