Geral

Agricultora recebe multa de R$10.000 por armazenamento irregular de agrotóxicos

Em fiscalização às propriedades de São Gabriel do Oeste, município localizado a 133 Km de Campo Grande, Policiais Militares Ambientais autuaram nesta sexta-feira (6) uma agricultora na fazenda Prudence. O motivo foi o armazenamento de agrotóxicos e descarte de embalagens de forma irregular. Na fazenda localizada às margens Rodovia MS 430, e que é de […]

Arquivo Publicado em 07/05/2011, às 14h05

None
1022306437.JPG

Em fiscalização às propriedades de São Gabriel do Oeste, município localizado a 133 Km de Campo Grande, Policiais Militares Ambientais autuaram nesta sexta-feira (6) uma agricultora na fazenda Prudence. O motivo foi o armazenamento de agrotóxicos e descarte de embalagens de forma irregular.

Na fazenda localizada às margens Rodovia MS 430, e que é de propriedade da agricultora, foram encontradas centenas de embalagens vazias espalhadas pelo local, muitas delas utilizadas recentemente, além de outras com agrotóxicos.

A autuada responderá por crime ambiental previsto pelo artigo 56 da Lei 9.605/98 de: “produzir, processar, embalar, importar, exportar, comercializar, fornecer, transportar, armazenar, guardar, ter em depósito ou usar produto ou substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde humana ou ao meio ambiente, em desacordo com as exigências estabelecidas em leis ou nos seus regulamentos”. Se condenada, poderá pegar pena de 1 a 4 anos de reclusão.

A PMA efetuou a apreensão dos produtos, confeccionou um auto de infração administrativo contra a proprietária da Fazenda e arbitrou multa de R$ 10.000,00.

Jornal Midiamax