Geral

Zeca admite interesse em Cecília Zauith para vice

Enquanto Murilo está descontente com o governador, prossegue assédio do PT ao DEM

Arquivo Publicado em 29/03/2010, às 01h30

None

Enquanto Murilo está descontente com o governador, prossegue assédio do PT ao DEM

Enquanto continua o descontentamento do vice-governador Murilo Zauith com o governador André Puccineli prossegue o assédio petista para ter o apoio dos democratas. Quem confirma é o ex-governador Zeca, com a ressalva de que  cabe ao PT todas as decisões sobre a aliança com o DEM. Mas, confirma que as conversas estão avançadas.



Zeca lembra que o DEM de Tocantins apoiou o PT nas últimas eleições e garantiu a eleição da senadora Kátia Abreu e, por isso, não vê impossibilidade nesta aliança tendo em vista a realidade da política sul-mato-grossense.


Na manhã deste domingo, o radialista Antonio Neres, da rádio FM 101, de Dourados, anunciou que a empresária Cecília Zauith, mulher de Murilo, teria sido convidada para ser vice na chapa do PT e que Murilo poderia ser o primeiro suplente do senador Delcídio Amaral.


Ao Midiamax, o ex-governador Zeca do PT disse que seria “uma bela composição”, afirmou que a diretora-presidente da Unigran é uma boa pessoa e “respeitadíssima” pela população como mulher e como empresária de sucesso no comando da universidade. “Eu particularmente topo Cecília e Murilo caminhando junto comigo nesta eleição”. Para o ex-governador, Murilo amplia a força eleitoral de Delcidio na região da Grande Dourados e garante a realização do sonho dos douradenses em ser representando na disputa pelo Senado.


Dizendo que “seria muito inteligente por parte do senador Delcidio aceitar Murilo como primeiro suplente”, Zeca declarou que “é uma pérgunta a ser feita ao senador Delcídio”, a quem cabe a escolha do suplente. Em resposta a mensagem do Midiamax, Delcídio disse que não procede a especulação de Murilo como seu suplente.


O ex-governador esclarece que a decisão será tomada pelas direções do PT e do DEM, partido de Murilo. Evitou confirmar se PT havia oferecido, além da vice-governadoria e da suplência, duas ou três secretarias para o DEM em caso de vitória em outubro.


O deputado estadual Zé Teixeira (DEM) disse que não foi comunicado sobre a possível adesão do seu partido ao projeto petista de retornar ao Governo do Estado. “Até agora quem foi assediado pelo PT foi o Murilo, que é o presidente estadual do DEM”, enfatizou o parlamentar que mantém firme o seu propósito de apoiar a candidatura de André Puccinelli (PMDB) à reeleição.


Repercussão


A possibilidade do município de Dourados ser representado nestas eleições com Cecilia Zauith na vice de Zeca e Murilo como suplente de Delcidio deixou a população douradense ouriçada, mas a notícia precisa de confirmação, o que pode acontecer ainda esta semana. Murilo deverá ter uma reunião com o deputado federal Vander Loubet (PT) nesta segunda-feira conforme adiantou um assessor do parlamentar. Já o vice-governador Murilo Zauith permaneceu todo o domingo com o celular desligado e não foi encontrado para falar sobre o assunto.

Jornal Midiamax