Geral

Temporal com granizo deixa famílias desabrigadas em Naviraí

As fortes chuvas com granizo no final da noite de ontem,sábado, por cerca de três minutos, destruiu casas no município de Naviraí. Mais de mil casas (das 13,5 mil casas da cidade) sofreram o impacto com pequenas ou grandes avarias, com telhados quebrados ou com parciais destelhamentos. Os casos mais graves estão na periferia oeste, […]

Arquivo Publicado em 26/09/2010, às 17h27

None

As fortes chuvas com granizo no final da noite de ontem,sábado, por cerca de três minutos, destruiu casas no município de Naviraí. Mais de mil casas (das 13,5 mil casas da cidade) sofreram o impacto com pequenas ou grandes avarias, com telhados quebrados ou com parciais destelhamentos. Os casos mais graves estão na periferia oeste, entre a avenida Nova Andradina e rodovia BR-163 (Jardim Ipê, conjuntos Odércio de Matos e João de Barro, Cóorego do Touro, Vila Nova e Jardim Paraíso).

A Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros e as gerências municipais de Assistência Social e Habitação já trabalham para dar assistência aos desabrigados. Levantamento preliminar da assistente social Maria Vanderléia dos Santos indica que mais de famílias precisarão de auxílio público para cobrir novamente suas casas. A situação é de calamidade pública.

O prefeito Zelmo de Brida (PMDB) terá que decretar Situação de Emergência, e deve esperar o levantamento de danos (Avadan) para pedir ajuda da Defesa Civil do Governo do Estado e auxílio em organismos ligados ao governo federal.

Por enquanto, algumas lojs de materiais de construção estão abertas para atender a demanda que pocura por telhas e lonas. A prefeitura faz o atendimento emergencial com lonas. A medida é paliativa e tem que ser executada agora, pois a chuva continua caindo em Naviraí. Telhas só devem ser disponibilzadas para as famílias impactadas a partir desta segunda-feira.

Jornal Midiamax