Geral

Sem Lula, Dilma inaugura estrada com asfalto inacabado

A ministra e pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, inaugurou nesta quarta-feira trecho da BR-319 ainda com o asfalto inacabado, entre Humaitá (AM) e Porto Velho (RO), e fez um discurso com elogios ao presidente Lula e ao ministro Alfredo Nascimento (Transportes), pré-candidato do PR ao governo do Amazonas. O trecho da estrada inaugurado […]

Arquivo Publicado em 25/03/2010, às 01h35

None

A ministra e pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, inaugurou nesta quarta-feira trecho da BR-319 ainda com o asfalto inacabado, entre Humaitá (AM) e Porto Velho (RO), e fez um discurso com elogios ao presidente Lula e ao ministro Alfredo Nascimento (Transportes), pré-candidato do PR ao governo do Amazonas.

O trecho da estrada inaugurado hoje é de 38 km, mas só 8 km têm duas camadas de asfalto. Os outros 30 km, com só uma camada, são transitáveis, mas o asfalto pode se desgastar rapidamente com a chuva e o tráfego. O Dnit disse que a segunda camada será aplicada no máximo até dezembro.

Ambientalistas dizem que a pavimentação da rodovia, que ao todo tem 877 km, vai aumentar o desmatamento, especialmente no trecho conhecido como “meião”, onde ela atravessa uma área de floresta intocada.

“O presidente Lula é um homem que tem uma história ligada às lutas sociais do país e também é um homem com grande consciência ambiental”, disse Dilma em discurso.

“E agora, aqui no Amazonas, ele vai provar que não há uma contradição entre preservar o meio ambiente e ao mesmo tempo desenvolver o país. Pelo contrário, nós podemos dar exemplo para o mundo. E um dos exemplos está aqui, é a estrada 319, que nesse trecho central será transformada numa verdadeira estrada-parque”, afirmou a ministra.

“Que nessa estrada trafeguem bens e serviços, mas sobretudo uma coisa muito importante, que em 2014 vocês possam usá-la para vir assistir aos jogos da Copa do Mundo em Manaus e lutar para que nós sejamos vitoriosos nessa Copa do Mundo”, disse Dilma.

Enquanto a plateia gritava “Brasil urgente, Dilma presidente”, a petista elogiou Alfredo Nascimento. “O Alfredo jamais abandonou o desejo de transformar essa estrada numa estrada da riqueza, do emprego, do desenvolvimento da Amazônia”, afirmou ela.

O Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte) do Amazonas disse que o lotes 1 (que foi inaugurado ontem) e 3 (de 50 km) da BR-319 serão concluídos até dezembro, antes do período das chuvas. Disse ainda que os lotes 2 (45,5 km) e 4 (58 km) da estrada já estão concluídos.

Jornal Midiamax