O menino Alexander teve a paternidade reconhecida na última semana pelo jogador Ronaldo. O atacante reconheceu o menino após um teste de paternidade. Ele é filho da douradense Michele Umezu, que nasceu e morou na cidade até os 13 anos.

Ela saiu de Dourados para ir morar com no Japão com o pai brasileiro e a mãe japonesa. Ela disse em entrevista a revista VEJA, que buscou os direitos após perceber os “cabelinhos do Alex começarem a enrolar”, disse ela, que pensava que o menino era filho de um ex-namorado.

Descendente de índios, Michele teve um relacionamento “relâmpago” com o atacante do Corinthians em 2004, quando ele esteve em Tóquio jogando pelo Real Madrid, time que defendia na época.

Via Twitter, o atacante “celebrou” o reconhecimento do filho. “Alex é meu filho, irmão de mais de mais 3 crianças lindas como ele. E me terá sempre como pai para todos prazeres e deveres. Seja bem vindo! O resultado do exame comprovou o que meus sentimentos me mostraram na hora em que vi o Alex”, escreveu ele em sua página.

Após Ronaldo reconhecer Alex, Michele mandou uma carta de agradecimento ao jogador.